NOTÍCIAS

20 maiores hits de Michael Jackson na Billboard

Gênio do pop faria 59 anos nessa terça-feira, 29 de agosto

por Redação em 29/08/2017

Com uma carreira que durou quase todos os seus 50 anos de vida, Michael Jackson se tornou figurinha carimbada nos rankings da Billboard. Foi sua dominação semanal no Hot 100 que o colocou nos livros dos recordes: como artista solo, 13 de seus singles ocuparam o topo do ranking – número máximo para um cantor – além de outras quatro com o Jackson 5.

Se estivesse vivo, Michael comemoraria hoje (29/08) os seus 59 anos. Para celebrar a carreira do artista, reunimos seus 20 maiores hits na Billboard:

“Never Can Say Goodbye” – The Jackson 5

Maior posição no Hot 100: 2
Data da maior posição: 8 de maio de 1971
Semanas no ranking: 12

Não são muitos os garotos de 12 anos de idade que conseguem falar sobre uma situação romântica de forma madura como Michael fez neste single. Michael descreve uma situação em que é incapaz de deixar sua parceira. A faixa fez sucesso com o público, chegando ao 1º lugar do ranking R&B Songs e em 2º no Hot 100.

“Rockin’ Robin” – Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 2
Data da maior posição: 22 de abril de 1972
Semanas no ranking: 13

O cover que Michael Jackson fez de “Rockin’ Robin”, música de Bobby Day, chegou ao 2º lugar dos rankings Hot 100 e R&B Songs em 1972. Michael, com 13 anos na época, trouxe alegria para o clássico, com uma produção avançada incluindo uma melodia que parece um passáro.

“Don’t Stop ‘Til You Get Enough” – Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 1 (1 semana)
Data da maior posição: 13 de outubro de 1979
Semanas no ranking: 21

Enquanto a primeira vez que Michael liderou o Hot 100 longe do Jackson 5 com a balada “Ben”, aos 14 anos em 1972, sua segunda liderança no ranking começou a traçar o caminho para seu crescimento monumental para o estrelato como artista solo, apresentando fãs para um cantor mais maduro na sonoridade e nas letras.

“Dirty Diana” – Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 1 (1 semana)
Data da maior posição: 2 de julho de 1988
Semanas no ranking: 14

No mundo de mulheres stalkers e estranhas das letras de Michael Jackson, “Dirty Diana” está no topo com “Billie Jean” e Susie de “Blood On The Dance Floor”. Essa música R&B/Rock sobre uma groupie meio doida traz Steve Stevens na guitarra e foi o último single do disco Bad a chegar ao 1º lugar do Hot 100 em 1988. Com esse feito, ele bateu o recorde de mais faixas no topo do ranking que vieram do mesmo álbum. Nesse caso, foram cinco. 

“Got To Be There” – Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 4
Data da maior posição: 11 de dezembro de 1971
Semanas no ranking: 14

Capitalizando no sucesso imenso do grupo, a gravadora Motown Records lançou o single de estreia de Michael enquanto o Jackson 5 ainda estava colhendo frutos nos rankings com seu terceiro álbum. “Got To Be There” chegou ao 4º lugar em dezembro de 1971.

“Bad” – Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 1 (2 semanas)
Data da maior posição: 24 de outubro de 1987
Semanas no ranking: 14

Apesar de soar arrogante de início, a faixa foi inspirada em uma história real de um garoto que foi estudar em um internato particular e foi morto por inveja quando voltou para casa. A faixa foi produzida por Quincy Jones e lançada como segundo single do disco Bad.

“I Just Can’t Stop Loving You” – Michael Jackson e Siedah Garrett

Maior posição no Hot 100: 1 (1 semana)
Data da maior posição: 19 de setembro de 1987
Semanas no ranking: 14

Apesar da maioria das faixas animadas no disco Bad, o primeiro single do trabalho foi uma faixa romântica. Esse dueto com a protegida de Quincy Jones voou para o 1º lugar em sua sétima semana no ranking. A música escalou até o topo do ranking Adult Contemporary ainda mais rápido, chegando ao 1º lugar em quatro semanas.

“Black Or White” – Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 1 (7 semanas)
Data da maior posição:  7 de dezembro de 1991
Semanas no ranking: 20

O cenário da música pop estava mudando em 1991, com o Nirvana introduzindo o grunge e o rap ganhando espaço. O apelo de Michael Jackson, porém, se mostrou impenetrável com o primeiro single de Dangerous. Com Slash na guitarra, “Black Or White” ocupou o topo do Hot 100 por sete semanas, empatando com “Billie Jean” como reinado mais longo de Jackson no ranking. O vídeo é memorável pelo pioneirismo em usar a tecnologia de morfismo.

“The Way You Make Me Feel” – Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 1 (1 semana)
Data da maior posição: 23 de janeiro de 1988
Semanas no ranking: 18

O terceiro single de Bad se tornou a terceira faixa consecutiva do trabalho a ocupar o 1º lugar do Hot 100 em janeiro de 1988.

“The Love You Save/I Found That Girl” – The Jackson 5

Maior posição no Hot 100: 1 (2 semanas)
Data da maior posição: 27 de junho de 1970

Semanas no ranking: 13

Michael sabia tudo sobre crescer rápido demais e tentar presevar a juventude. É por isso que não é surpresa que essa música do Jackson 5 traga ele e seu irmão Jermaine alertando uma garota “rápida” a diminuir o ritmo. “O Jackson 5 foi o único grupo na história que emplacou os primeiros quatro singles no 1º lugar.”, escreveu o fundador da Motown Berry Gordy na introdução da autobiografia de Jackson, Moonwalk. “Para Michael, isso serviu de inspiração para quebrar todos os outros recordes. E ele conseguiu”.

“The Girl Is Mine” – Michael Jackson e Paul McCartney

Maior posição no Hot 100: 2
Data da maior posição: 8 de janeiro de 1983
Semanas no ranking: 18

Pode ser surpreendente para alguns, mas “The Girl Is Mine” foi o primeiro single do álbum de 1982 Thriller – não “Billie Jean” ou “Beat It”. Um dueto com Paul McCartney, a faixa foi lançada em outubro de 1982 e estreou em 45º lugar do Hot 100, eventualmente subindo até o 2º lugar.

“ABC” – The Jackson 5

Maior posição no Hot 100: 1 (2 semanas)
Data da maior posição: 25 de abril de 1970
Semanas no ranking: 13

Segunda música do Jackson 5 a chegar ao 1º lugar do Hot 100, “ABC” desbancou “Let It Be” dos Beatles, a penúltima música da banda a ocupar o topo do ranking.

“I Want You Back” – The Jackson 5

Maior posição no Hot 100: 1 (1 semana)
Data da maior posição: 31 de janeiro de 1970
Semanas no ranking: 19

Uma nova era na história da Motown – e um dos currículos mais impressionantes nos rankings da Billboard – começou despretensiosamente. A permanência de Michael Jackson nos rankings da Billboard por seis décadas começou em novembro de 1969, quando o jovem de 11 anos junto com seus quatro irmãos entrou no Hot 100 na 90ª posição com “I Want You Back”.

“Man In The Mirror”

Maior posição no Hot 100: 1 (2 semanas)
Data da maior posição:  26 de março de 1988
Semanas no ranking: 17

Quando “Man In The Mirror” chegou ao 1º lugar do Hot 100 em 1988, Jackson se tornou o primeiro artista na história do ranking a emplacar quatro músicas de um mesmo álbum no 1º lugar. Depois da morte dele em 2009, “Mirror” voltou a aparecer nos rankings do Reino Unido em 11º lugar, chegando ao 2º lugar.

“Dancing Machine” – The Jackson 5

Maior posição no Hot 100: 2
Data da maior posição: 18 de maio de 1974
Semanas no ranking: 22

A faixa com uma pegada funk e disco chegou perto de liderar o ranking, ficando atrás apenas de Ray Stevens, “The Streak”. Essa foi a última música do grupo quando trabalhava para a Motown a entrar no top 10 do ranking. Eles assinaram com a gravadora Epic em 1976 e se rebatizaram de The Jacksons.

“Rock With You” – Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 1 (4 semanas)
Data da maior posição: 19 de janeiro de 1980
Semanas no ranking: 24

Escrita pelo britânico Rod Temperton, do grupo de R&B Heatwave, o terceiro hit de Jackson a chegar ao 1º lugar passou quatro semanas no topo do ranking.

“Beat It” – Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 1 (3 semanas)
Data da maior posição: 30 de abril de 1983
Semanas no ranking: 25

Jackson não demorou para conquistar seu segundo topo do Hot 100 com o álbum Thriller: demorou apenas duas semanas após deixar a liderança com “Billie Jean”. Com o trabalho de Eddie Van Halen na guitarra, a música chegou ao 14º lugar do ranking Mainstream Rock Songs. 

“I’ll Be There” – The Jackson 5

Maior posição no Hot 100: 1 (5 semanas)
Data da maior posição: 17 de outubro de 1970
Semanas no ranking: 16

Este single foi o último e mais longo a ocupar o topo de quatro faixas consecutivas a chegar à liderança do Hot 100 em 1970. O grupo chegou a emplacar faixas no top 10, mas nunca mais chegou ao 1º lugar. Mariah Carey – que tinha apenas sete meses quando a versão do Jackson 5 liderou o ranking – colocou a música de novo no topo da lista por duas semanas em 1992 com sua versão feita para o Acústico da MTV. 

“Billie Jean” – Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 1 (7 semanas)
Data da maior posição: 5 de março de 1983

Semanas no ranking: 24

Jackson já era uma estrela após emplacar três músicas de sua carreira solo no topo do Hot 100, mas “Billie Jean” o levou à fama mundial. Uma das mais famosas de sua carreira, a faixa introduziu o icônico disco Thriller para as massas.

“Say Say Say” – Paul McCartney e Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 1 (6 semanas)
Data da maior posição: 10 de dezembro de 1983
Semanas no ranking: 22

Depois do sucesso do dueto “The Girl Is Mine”, o antigo Beatle recrutou o Rei do Pop para essa colaboração em seu álbum de 1983, Pipes of Peace. “Paul e eu temos a mesma ideia de como uma música pop deve funcionar e foi muito bom trabalhar com ele”, escreveu Jackson em seu livro Moonwalk.

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Bengala E Crochê
Maiara & Maraisa
2
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
3
Saudade
Eduardo Costa
4
Amor Da Sua Cama
Felipe Araújo
5
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

20 maiores hits de Michael Jackson na Billboard

Gênio do pop faria 59 anos nessa terça-feira, 29 de agosto

por Redação em 29/08/2017

Com uma carreira que durou quase todos os seus 50 anos de vida, Michael Jackson se tornou figurinha carimbada nos rankings da Billboard. Foi sua dominação semanal no Hot 100 que o colocou nos livros dos recordes: como artista solo, 13 de seus singles ocuparam o topo do ranking – número máximo para um cantor – além de outras quatro com o Jackson 5.

Se estivesse vivo, Michael comemoraria hoje (29/08) os seus 59 anos. Para celebrar a carreira do artista, reunimos seus 20 maiores hits na Billboard:

“Never Can Say Goodbye” – The Jackson 5

Maior posição no Hot 100: 2
Data da maior posição: 8 de maio de 1971
Semanas no ranking: 12

Não são muitos os garotos de 12 anos de idade que conseguem falar sobre uma situação romântica de forma madura como Michael fez neste single. Michael descreve uma situação em que é incapaz de deixar sua parceira. A faixa fez sucesso com o público, chegando ao 1º lugar do ranking R&B Songs e em 2º no Hot 100.

“Rockin’ Robin” – Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 2
Data da maior posição: 22 de abril de 1972
Semanas no ranking: 13

O cover que Michael Jackson fez de “Rockin’ Robin”, música de Bobby Day, chegou ao 2º lugar dos rankings Hot 100 e R&B Songs em 1972. Michael, com 13 anos na época, trouxe alegria para o clássico, com uma produção avançada incluindo uma melodia que parece um passáro.

“Don’t Stop ‘Til You Get Enough” – Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 1 (1 semana)
Data da maior posição: 13 de outubro de 1979
Semanas no ranking: 21

Enquanto a primeira vez que Michael liderou o Hot 100 longe do Jackson 5 com a balada “Ben”, aos 14 anos em 1972, sua segunda liderança no ranking começou a traçar o caminho para seu crescimento monumental para o estrelato como artista solo, apresentando fãs para um cantor mais maduro na sonoridade e nas letras.

“Dirty Diana” – Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 1 (1 semana)
Data da maior posição: 2 de julho de 1988
Semanas no ranking: 14

No mundo de mulheres stalkers e estranhas das letras de Michael Jackson, “Dirty Diana” está no topo com “Billie Jean” e Susie de “Blood On The Dance Floor”. Essa música R&B/Rock sobre uma groupie meio doida traz Steve Stevens na guitarra e foi o último single do disco Bad a chegar ao 1º lugar do Hot 100 em 1988. Com esse feito, ele bateu o recorde de mais faixas no topo do ranking que vieram do mesmo álbum. Nesse caso, foram cinco. 

“Got To Be There” – Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 4
Data da maior posição: 11 de dezembro de 1971
Semanas no ranking: 14

Capitalizando no sucesso imenso do grupo, a gravadora Motown Records lançou o single de estreia de Michael enquanto o Jackson 5 ainda estava colhendo frutos nos rankings com seu terceiro álbum. “Got To Be There” chegou ao 4º lugar em dezembro de 1971.

“Bad” – Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 1 (2 semanas)
Data da maior posição: 24 de outubro de 1987
Semanas no ranking: 14

Apesar de soar arrogante de início, a faixa foi inspirada em uma história real de um garoto que foi estudar em um internato particular e foi morto por inveja quando voltou para casa. A faixa foi produzida por Quincy Jones e lançada como segundo single do disco Bad.

“I Just Can’t Stop Loving You” – Michael Jackson e Siedah Garrett

Maior posição no Hot 100: 1 (1 semana)
Data da maior posição: 19 de setembro de 1987
Semanas no ranking: 14

Apesar da maioria das faixas animadas no disco Bad, o primeiro single do trabalho foi uma faixa romântica. Esse dueto com a protegida de Quincy Jones voou para o 1º lugar em sua sétima semana no ranking. A música escalou até o topo do ranking Adult Contemporary ainda mais rápido, chegando ao 1º lugar em quatro semanas.

“Black Or White” – Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 1 (7 semanas)
Data da maior posição:  7 de dezembro de 1991
Semanas no ranking: 20

O cenário da música pop estava mudando em 1991, com o Nirvana introduzindo o grunge e o rap ganhando espaço. O apelo de Michael Jackson, porém, se mostrou impenetrável com o primeiro single de Dangerous. Com Slash na guitarra, “Black Or White” ocupou o topo do Hot 100 por sete semanas, empatando com “Billie Jean” como reinado mais longo de Jackson no ranking. O vídeo é memorável pelo pioneirismo em usar a tecnologia de morfismo.

“The Way You Make Me Feel” – Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 1 (1 semana)
Data da maior posição: 23 de janeiro de 1988
Semanas no ranking: 18

O terceiro single de Bad se tornou a terceira faixa consecutiva do trabalho a ocupar o 1º lugar do Hot 100 em janeiro de 1988.

“The Love You Save/I Found That Girl” – The Jackson 5

Maior posição no Hot 100: 1 (2 semanas)
Data da maior posição: 27 de junho de 1970

Semanas no ranking: 13

Michael sabia tudo sobre crescer rápido demais e tentar presevar a juventude. É por isso que não é surpresa que essa música do Jackson 5 traga ele e seu irmão Jermaine alertando uma garota “rápida” a diminuir o ritmo. “O Jackson 5 foi o único grupo na história que emplacou os primeiros quatro singles no 1º lugar.”, escreveu o fundador da Motown Berry Gordy na introdução da autobiografia de Jackson, Moonwalk. “Para Michael, isso serviu de inspiração para quebrar todos os outros recordes. E ele conseguiu”.

“The Girl Is Mine” – Michael Jackson e Paul McCartney

Maior posição no Hot 100: 2
Data da maior posição: 8 de janeiro de 1983
Semanas no ranking: 18

Pode ser surpreendente para alguns, mas “The Girl Is Mine” foi o primeiro single do álbum de 1982 Thriller – não “Billie Jean” ou “Beat It”. Um dueto com Paul McCartney, a faixa foi lançada em outubro de 1982 e estreou em 45º lugar do Hot 100, eventualmente subindo até o 2º lugar.

“ABC” – The Jackson 5

Maior posição no Hot 100: 1 (2 semanas)
Data da maior posição: 25 de abril de 1970
Semanas no ranking: 13

Segunda música do Jackson 5 a chegar ao 1º lugar do Hot 100, “ABC” desbancou “Let It Be” dos Beatles, a penúltima música da banda a ocupar o topo do ranking.

“I Want You Back” – The Jackson 5

Maior posição no Hot 100: 1 (1 semana)
Data da maior posição: 31 de janeiro de 1970
Semanas no ranking: 19

Uma nova era na história da Motown – e um dos currículos mais impressionantes nos rankings da Billboard – começou despretensiosamente. A permanência de Michael Jackson nos rankings da Billboard por seis décadas começou em novembro de 1969, quando o jovem de 11 anos junto com seus quatro irmãos entrou no Hot 100 na 90ª posição com “I Want You Back”.

“Man In The Mirror”

Maior posição no Hot 100: 1 (2 semanas)
Data da maior posição:  26 de março de 1988
Semanas no ranking: 17

Quando “Man In The Mirror” chegou ao 1º lugar do Hot 100 em 1988, Jackson se tornou o primeiro artista na história do ranking a emplacar quatro músicas de um mesmo álbum no 1º lugar. Depois da morte dele em 2009, “Mirror” voltou a aparecer nos rankings do Reino Unido em 11º lugar, chegando ao 2º lugar.

“Dancing Machine” – The Jackson 5

Maior posição no Hot 100: 2
Data da maior posição: 18 de maio de 1974
Semanas no ranking: 22

A faixa com uma pegada funk e disco chegou perto de liderar o ranking, ficando atrás apenas de Ray Stevens, “The Streak”. Essa foi a última música do grupo quando trabalhava para a Motown a entrar no top 10 do ranking. Eles assinaram com a gravadora Epic em 1976 e se rebatizaram de The Jacksons.

“Rock With You” – Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 1 (4 semanas)
Data da maior posição: 19 de janeiro de 1980
Semanas no ranking: 24

Escrita pelo britânico Rod Temperton, do grupo de R&B Heatwave, o terceiro hit de Jackson a chegar ao 1º lugar passou quatro semanas no topo do ranking.

“Beat It” – Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 1 (3 semanas)
Data da maior posição: 30 de abril de 1983
Semanas no ranking: 25

Jackson não demorou para conquistar seu segundo topo do Hot 100 com o álbum Thriller: demorou apenas duas semanas após deixar a liderança com “Billie Jean”. Com o trabalho de Eddie Van Halen na guitarra, a música chegou ao 14º lugar do ranking Mainstream Rock Songs. 

“I’ll Be There” – The Jackson 5

Maior posição no Hot 100: 1 (5 semanas)
Data da maior posição: 17 de outubro de 1970
Semanas no ranking: 16

Este single foi o último e mais longo a ocupar o topo de quatro faixas consecutivas a chegar à liderança do Hot 100 em 1970. O grupo chegou a emplacar faixas no top 10, mas nunca mais chegou ao 1º lugar. Mariah Carey – que tinha apenas sete meses quando a versão do Jackson 5 liderou o ranking – colocou a música de novo no topo da lista por duas semanas em 1992 com sua versão feita para o Acústico da MTV. 

“Billie Jean” – Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 1 (7 semanas)
Data da maior posição: 5 de março de 1983

Semanas no ranking: 24

Jackson já era uma estrela após emplacar três músicas de sua carreira solo no topo do Hot 100, mas “Billie Jean” o levou à fama mundial. Uma das mais famosas de sua carreira, a faixa introduziu o icônico disco Thriller para as massas.

“Say Say Say” – Paul McCartney e Michael Jackson

Maior posição no Hot 100: 1 (6 semanas)
Data da maior posição: 10 de dezembro de 1983
Semanas no ranking: 22

Depois do sucesso do dueto “The Girl Is Mine”, o antigo Beatle recrutou o Rei do Pop para essa colaboração em seu álbum de 1983, Pipes of Peace. “Paul e eu temos a mesma ideia de como uma música pop deve funcionar e foi muito bom trabalhar com ele”, escreveu Jackson em seu livro Moonwalk.