NOTÍCIAS

Artistas pedem para Radiohead cancelar show em Israel

Pedido se deu por causa das políticas do país contra população palestina

por Redação em 24/04/2017

O Radiohead tem show marcado em Tel Aviv em julho, a quarta apresentação da banda em Israel – a banda não vai à cidade desde 2000.

É uma escolha controversa por causa das políticas do país contra a população palestina que ali vive.

Nesta segunda-feira (24/04), um grupo de artistas, entre eles Thurston Moore, Roger Waters, Robert Wyatt e Young Fathers, assinaram uma carta aberta por meio do Artistas Pela Palestina pedindo para que eles cancelem o show em 19 de julho.

ROGER WATERS PEDE PARA CAETANO E GIL CANCELAREM SHOW EM ISRAEL

Leia a carta na íntegra:

Londres, 24 de abril de 2017

Queridos Thom Yorke, Jonny Greenwood, Colin Greenwood, Ed O’Brien e Philip Selway,
Vocês estão com show marcado em Tel Aviv em julho deste ano.

Gostaríamos de pedir para que reconsiderem – porque tocar em Israel significa que tocarão em um Estado onde, segundo relatores das Nações Unidas dizem, tem “um sistema de apartheid foi imposto no povo palestino”.

Entendemos que vocês já foram contatados por campanhas palestinas. Eles pediram para que vocês respeitem o pedido de boicote cultural a Israel e vocês recusaram. Como o Radiohead faz campanhas pela liberdade dos tibetanos, estamos nos questionando o motivo de vocês negarem o pedido de outras pessoas em ocupação estrangeira. E como o Radiohead se apresentou em um show para o 50º aniversário da declaração dos Direitos Humanos, estamos nos questionando o motivo de vocês ignorarem o pedido de se mostrar contra a negação de um desses direitos quando se trata de palestinos.

Uma vez, o Radiohead emitiu um comunicado dizendo: ‘Sem o trabalho de organizações como a Anistia Internacional, a Declaração Universal seria meramente retórica’. Vocês claramente leram os relatórios da Anistia então sabem que Israel nega a liberdade para os palestinos que não podem viver onde querem e não podem viajar sob pena de serem presos (e até torturados) sem julgamento e não podem usar nem o Facebook sem monitoramento, censura e prisões.

Ao pedir para que não se apresentem em Israel, os palestinos apelam para que vocês tomem um pequeno passo para ajudar a pressionar Israel a terminar com sua violação de direitos básicos. Se o posicionamento contra políticas de divisão, discriminação e ódio significa algo, deveria ser feito em qualquer lugar – e isso inclui o que os palestinos sofrem diariamente. Caso contrário o resto é, usando suas palavras, ‘mera retórica’.

Vocês podem pensar que dividir a conta com músicos israelenses Dudu Tassa & The Kuwaitis, que tocam música judaica-árabe, deixa tudo OK. Não deixa, assim como performances mistas na África do Sul não significou o fim do regime do apartheid. Por favor, façam como artistas fizeram na África do Sul para acabar com a era da opressão: se mantenham longe, até que o apartheid acabe.

Sinceramente,

Tunde Adebimpe, músico
Conrad Atkinson, artista
Richard Barrett, compositor
David Calder, ator
Julie Christie, atriz
Selma Dabbagh, escritora
William Dalrymple, historiador, escritor
April De Angelis, dramaturgo
Shane Dempsey, diretor de teatro
Laurence Dreyfus, músico e diretor
Geoff Dyer, escritor
Eve Ensler, dramaturgo
Bella Freud, estilista
Douglas Hart, músico e diretor
Charles Hayward, músico
Remi Kanazi, poeta
Peter Kennard, artista
Peter Kosminsky, escritor, diretor e produtor
Hari Kunzru, escritor
Paul Laverty, roteirista
Mike Leigh, escritor e diretor
Ken Loach, diretor
Lowkey, músico
Miriam Margolyes, atriz
Kika Markham, atriz
Elli Medeiros, música
Pauline Melville, escritora e atriz
Roger Michell, diretor
China Miéville, escritor
Thurston Moore, músico
Maxine Peake, atriz
Dave Randall, músico
Ian Rickson, diretor
Michael Rosen, escritor 
Alexei Sayle, comediante e escritor
James Schamus, roteirista, diretor e produtor
Nick Seymour, músico 
Adrian Sherwood, produtor
Juliet Stevenson, atriz
Ricky Tomlinson, ator
Desmond Tutu, Arcebispo Emérito da Cidade do Cabo, África do Sul
Alice Walker, escritora
Harriet Walter, ator
Roger Waters, músico
Susan Wooldridge, atriz e autora
Robert Wyatt, músico
Young Fathers, músicos

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
2
Saudade
Eduardo Costa
3
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
4
Bengala E Crochê
Maiara & Maraisa
5
Aquela Pessoa
Henrique & Juliano
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Artistas pedem para Radiohead cancelar show em Israel

Pedido se deu por causa das políticas do país contra população palestina

por Redação em 24/04/2017

O Radiohead tem show marcado em Tel Aviv em julho, a quarta apresentação da banda em Israel – a banda não vai à cidade desde 2000.

É uma escolha controversa por causa das políticas do país contra a população palestina que ali vive.

Nesta segunda-feira (24/04), um grupo de artistas, entre eles Thurston Moore, Roger Waters, Robert Wyatt e Young Fathers, assinaram uma carta aberta por meio do Artistas Pela Palestina pedindo para que eles cancelem o show em 19 de julho.

ROGER WATERS PEDE PARA CAETANO E GIL CANCELAREM SHOW EM ISRAEL

Leia a carta na íntegra:

Londres, 24 de abril de 2017

Queridos Thom Yorke, Jonny Greenwood, Colin Greenwood, Ed O’Brien e Philip Selway,
Vocês estão com show marcado em Tel Aviv em julho deste ano.

Gostaríamos de pedir para que reconsiderem – porque tocar em Israel significa que tocarão em um Estado onde, segundo relatores das Nações Unidas dizem, tem “um sistema de apartheid foi imposto no povo palestino”.

Entendemos que vocês já foram contatados por campanhas palestinas. Eles pediram para que vocês respeitem o pedido de boicote cultural a Israel e vocês recusaram. Como o Radiohead faz campanhas pela liberdade dos tibetanos, estamos nos questionando o motivo de vocês negarem o pedido de outras pessoas em ocupação estrangeira. E como o Radiohead se apresentou em um show para o 50º aniversário da declaração dos Direitos Humanos, estamos nos questionando o motivo de vocês ignorarem o pedido de se mostrar contra a negação de um desses direitos quando se trata de palestinos.

Uma vez, o Radiohead emitiu um comunicado dizendo: ‘Sem o trabalho de organizações como a Anistia Internacional, a Declaração Universal seria meramente retórica’. Vocês claramente leram os relatórios da Anistia então sabem que Israel nega a liberdade para os palestinos que não podem viver onde querem e não podem viajar sob pena de serem presos (e até torturados) sem julgamento e não podem usar nem o Facebook sem monitoramento, censura e prisões.

Ao pedir para que não se apresentem em Israel, os palestinos apelam para que vocês tomem um pequeno passo para ajudar a pressionar Israel a terminar com sua violação de direitos básicos. Se o posicionamento contra políticas de divisão, discriminação e ódio significa algo, deveria ser feito em qualquer lugar – e isso inclui o que os palestinos sofrem diariamente. Caso contrário o resto é, usando suas palavras, ‘mera retórica’.

Vocês podem pensar que dividir a conta com músicos israelenses Dudu Tassa & The Kuwaitis, que tocam música judaica-árabe, deixa tudo OK. Não deixa, assim como performances mistas na África do Sul não significou o fim do regime do apartheid. Por favor, façam como artistas fizeram na África do Sul para acabar com a era da opressão: se mantenham longe, até que o apartheid acabe.

Sinceramente,

Tunde Adebimpe, músico
Conrad Atkinson, artista
Richard Barrett, compositor
David Calder, ator
Julie Christie, atriz
Selma Dabbagh, escritora
William Dalrymple, historiador, escritor
April De Angelis, dramaturgo
Shane Dempsey, diretor de teatro
Laurence Dreyfus, músico e diretor
Geoff Dyer, escritor
Eve Ensler, dramaturgo
Bella Freud, estilista
Douglas Hart, músico e diretor
Charles Hayward, músico
Remi Kanazi, poeta
Peter Kennard, artista
Peter Kosminsky, escritor, diretor e produtor
Hari Kunzru, escritor
Paul Laverty, roteirista
Mike Leigh, escritor e diretor
Ken Loach, diretor
Lowkey, músico
Miriam Margolyes, atriz
Kika Markham, atriz
Elli Medeiros, música
Pauline Melville, escritora e atriz
Roger Michell, diretor
China Miéville, escritor
Thurston Moore, músico
Maxine Peake, atriz
Dave Randall, músico
Ian Rickson, diretor
Michael Rosen, escritor 
Alexei Sayle, comediante e escritor
James Schamus, roteirista, diretor e produtor
Nick Seymour, músico 
Adrian Sherwood, produtor
Juliet Stevenson, atriz
Ricky Tomlinson, ator
Desmond Tutu, Arcebispo Emérito da Cidade do Cabo, África do Sul
Alice Walker, escritora
Harriet Walter, ator
Roger Waters, músico
Susan Wooldridge, atriz e autora
Robert Wyatt, músico
Young Fathers, músicos