NOTÍCIAS

Ouça as 10 músicas mais alegres dos últimos 50 anos

por em 21/09/2015

Apesar de ter sido lançada 37 anos atrás, “Don't Stop Me Now”, de Queen, ainda tem a habilidade de levantar os espíritos e melhorar o humor. Mais especificamente, ela é, de acordo com um neurocientista, a música mais feliz dos últimos 50 anos.

Segundo uma pesquisa publicada pelo site Daily Mail, Dr. Jacob Jolij, um neurocientista cognitivo da Universidade de Groningen, na Holanda, descobriu as principais características que tornam uma música feliz. Para o cientista, letras positivas são muito importantes, mas um tempo de 150 batidas por minuto também ajudam as pessoas a sentirem-se mais energéticas.

Em noite de estreia do Rock in Rio, Queen mostra soberania

“Uma música feliz é muito pessoal. Música é intimamente ligada à memória e emoção. No entanto, há alguns critérios que são vitais para compositores levarem em consideração quando criam músicas felizes”, disse Dr Jolij, que desenvolveu uma fórmula que determina o quão “feliz” uma música é e que o permitiu analisar as dez músicas mais felizes dos últimos 50 anos.

Entre elas estão “Dancing Queen”, de Abba, “Good Vibrations”, de Beach Boys, e “Uptown Girl”, de Billie Joel. “Eye Of The Tiger”, de Survivor, e “Livin' On A Prayer”, Bon Jovi, também entraram na lista.

Ouça as 10 músicas mais alegres, segundo o estudo.

O pesquisador divulgou também a lista de músicas mais felizer, por década:

2010s: “Happy” – Pharrell Williams

2000s: “Dancing In The Moonlight” – Toploader

1990s: “Let Me Entertain You” – Robbie Williams

1980s: “Uptown Girl” – Billy Joel

1970s: “Don't Stop Me Now” – Queen

1960s: “Good Vibrations” – The Beach Boys

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Bengala E Crochê
Maiara & Maraisa
2
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
3
Saudade
Eduardo Costa
4
Amor Da Sua Cama
Felipe Araújo
5
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Ouça as 10 músicas mais alegres dos últimos 50 anos

por em 21/09/2015

Apesar de ter sido lançada 37 anos atrás, “Don't Stop Me Now”, de Queen, ainda tem a habilidade de levantar os espíritos e melhorar o humor. Mais especificamente, ela é, de acordo com um neurocientista, a música mais feliz dos últimos 50 anos.

Segundo uma pesquisa publicada pelo site Daily Mail, Dr. Jacob Jolij, um neurocientista cognitivo da Universidade de Groningen, na Holanda, descobriu as principais características que tornam uma música feliz. Para o cientista, letras positivas são muito importantes, mas um tempo de 150 batidas por minuto também ajudam as pessoas a sentirem-se mais energéticas.

Em noite de estreia do Rock in Rio, Queen mostra soberania

“Uma música feliz é muito pessoal. Música é intimamente ligada à memória e emoção. No entanto, há alguns critérios que são vitais para compositores levarem em consideração quando criam músicas felizes”, disse Dr Jolij, que desenvolveu uma fórmula que determina o quão “feliz” uma música é e que o permitiu analisar as dez músicas mais felizes dos últimos 50 anos.

Entre elas estão “Dancing Queen”, de Abba, “Good Vibrations”, de Beach Boys, e “Uptown Girl”, de Billie Joel. “Eye Of The Tiger”, de Survivor, e “Livin' On A Prayer”, Bon Jovi, também entraram na lista.

Ouça as 10 músicas mais alegres, segundo o estudo.

O pesquisador divulgou também a lista de músicas mais felizer, por década:

2010s: “Happy” – Pharrell Williams

2000s: “Dancing In The Moonlight” – Toploader

1990s: “Let Me Entertain You” – Robbie Williams

1980s: “Uptown Girl” – Billy Joel

1970s: “Don't Stop Me Now” – Queen

1960s: “Good Vibrations” – The Beach Boys