NOTÍCIAS

Cinebiografia do Queen tem troca de diretor

Dexter Fletcher foi chamado para substituir Bryan Singer na direção da produção

por Redação em 07/12/2017

O diretor de Voando Alto, biografia sobre Eddie The Eagle, Dexter Fletcher é o substituto de Bryan Singer, diretor original da cinebiografia do Queen, Bohemian Rhapsody.

Singer foi demitido da produção depois de desaparecer do set de filmagens em Londres, Inglaterra, por vários dias. A Fox fez o anúncio oficial nesta quarta-feira (06/12). A demissão aconteceu na segunda-feira.

GREATEST HITS DO QUEEN É O ÁLBUM MAIS VENDIDO DA HISTÓRIA NO REINO UNIDO

Fontes afirmam que a decisão aconteceu em meio a uma briga crescente entre o diretor e a estrela do filme, o ator Rami Malek. Por causa do sumiço de Singer, a produção teve que ser interrompida em 1º de dezembro. Malek interpreta o líder do Queen, Freddie Mercury.

Depois de deixar o projeto, Singer negou ter agido de forma não profissional. Ele afirma que o estúdio não permitiu que ele cuidasse de sua saúde e de um parente gravemente adoecido. “Não queria nada mais do que terminar esse projeto e ajudar a honrar o legado de Freddie Mercury e do Queen, mas a Fox não me permitiu fazer isso quando eu precisei colocar a minha saúde e daqueles que eu amo em primeiro lugar”, disse o diretor em um comunicado oficial.

O lançamento do filme está programado para 25 de dezembro de 2018.

 

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Bengala E Crochê
Maiara & Maraisa
2
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
3
Saudade
Eduardo Costa
4
Amor Da Sua Cama
Felipe Araújo
5
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Cinebiografia do Queen tem troca de diretor

Dexter Fletcher foi chamado para substituir Bryan Singer na direção da produção

por Redação em 07/12/2017

O diretor de Voando Alto, biografia sobre Eddie The Eagle, Dexter Fletcher é o substituto de Bryan Singer, diretor original da cinebiografia do Queen, Bohemian Rhapsody.

Singer foi demitido da produção depois de desaparecer do set de filmagens em Londres, Inglaterra, por vários dias. A Fox fez o anúncio oficial nesta quarta-feira (06/12). A demissão aconteceu na segunda-feira.

GREATEST HITS DO QUEEN É O ÁLBUM MAIS VENDIDO DA HISTÓRIA NO REINO UNIDO

Fontes afirmam que a decisão aconteceu em meio a uma briga crescente entre o diretor e a estrela do filme, o ator Rami Malek. Por causa do sumiço de Singer, a produção teve que ser interrompida em 1º de dezembro. Malek interpreta o líder do Queen, Freddie Mercury.

Depois de deixar o projeto, Singer negou ter agido de forma não profissional. Ele afirma que o estúdio não permitiu que ele cuidasse de sua saúde e de um parente gravemente adoecido. “Não queria nada mais do que terminar esse projeto e ajudar a honrar o legado de Freddie Mercury e do Queen, mas a Fox não me permitiu fazer isso quando eu precisei colocar a minha saúde e daqueles que eu amo em primeiro lugar”, disse o diretor em um comunicado oficial.

O lançamento do filme está programado para 25 de dezembro de 2018.