NOTÍCIAS

Diretora do documentário de Demi Lovato fala sobre produção do projeto

Hannah Lux Davis já havia trabalhado com a cantora anteriormente em clipes como “Cool For The Summer” e “Sorry Not Sorry”

por Redação em 18/10/2017

É a manhã após o lançamento do documentário de Demi Lovato, Simply Complicated, e a diretora Hannah Lux Davis está vibrando. “Foi incrível assistir com o público”, disse Hannah sobre o projeto em que esteve envolvida pela maior parte do ano. “Foi definitivamente o projeto mais difícil que já fiz. Não quero dizer que me esgotou, mas foi mentalmente exaustivo”.

DEMI LOVATO REVELA QUE CLIPE DE “SORRY NOT SORRY” FOI INSPIRADO POR SNOOP DOGG

Conhecida por ser uma das melhores diretoras de clipes pop, Hannah deixou sua marca visual em tudo, desde o single de Jason Derulo “If I’m Lucky”, a “Love Me” de Lil Wayne, Drake e Future. Ela também é conhecida por ter bons relacionamentos profissionais com estrelas em ascensão, dirigindo vídeos para Ariana Grande (“Love Me Harder”, “Focus”, “Into You” e “Bang Bang”) e Hailee Steinfeld (“Most Girls”, “Love Myself” e “At My Best”). Sobre seu trabalho com Demi, as duas se conheceram em 2013 quando Hannah foi escolhida para dirigir o clipe de “Cool For The Summer”.

“Demi sempre foi alguém que eu era fã, desde os dias de Camp Rock. Eu amo música pop e já queria trabalhar com ela, então quando eu fui chamada para dirigir ‘Cool For The Summer’ em uma sexta, fizemos a gravação na segunda. Foi uma reviravolta insana”, relembrou.

hannahluxdavis

Na época, Demi estava passando por uma transição criativa e a faixa foi seu primeiro single desde sua fase adolescente e Hannah disse que ela estava disposta a crescer e se transformar em uma mulher adulta que canta pop. “Naquele momento, ela estava passando por uma fase na carreira em que tinha mais controle e criatividade. Estava se desenvolvendo como artista, então trabalhar naquele vídeo foi legal para entrar em contato com ela e sua equipe”.

O vídeo foi um sucesso e, desde então, já foi assistido mais de 290 milhões de vezes no YouTube. Hannah e Demi se reuniram novamente este ano para os clipes de “Sorry Not Sorry” e “No Promises”, colaboração com o grupo Cheat Codes. Elas também se tornaram mais próximas por malhar na mesma academia em Los Angeles. “Foi um ótimo lugar para nos aproximarmos porque a equipe inteira dela treina lá também. Ela trazia suas novas músicas para tocar na academia e isso naturalmente permitiu uma colaboração”.

DEMI LOVATO FALA SOBRE O CAMINHO PARA O SUCESSO

Ao mesmo tempo, Demi estava conversando com o YouTube para produzir um documentário dividido em episódios. A ideia inicial acabou não acontecendo e um documentário no formato tradicional foi criado. Hannah foi chamada para trabalhar no projeto e, uma semana após assinar o contrato, ela estava em Marrocos com Demi e sua equipe. “Começamos analisando a agenda dela para ver o que ia acontecer. Vimos que ela estaria em um festival na África e foi meio que ‘bem, então parece que vamos para a África’. Depois, teve algo em Dallas e em Cannes”.

Enquanto a maioria dos documentários leva anos entre gravação e edição, Hannah trabalhou com um cronograma truncado, com as filmagens acontecendo entre junho e setembro. Havia o desafio de falar sobre todos os temas da vida de Demi, desde as questões pessoais (a reabilitação, a morte de seu pai) até as profissionais (a gravação do novo álbum). O resultado é o que Hannah chama de uma visão “crua” da vida de Demi, com menção ao incidente em que a cantora deu um soco no rosto de uma dançarina.

RELEMBRE O SHOW DE DEMI LOVATO EM SÃO PAULO EM DEZEMBRO DE 2016

“Obviamente, ela passou por muitas turbulências na vida, então não foi algo fácil de se fazer. Tive que ser uma esponja de cada situação que acontecia a minha volta. Não apenas o que Demi fazia ou onde ela estava, mas para as pessoas da vida dela também. Muitas pessoas foram afetadas por ela, não apenas seus fãs, mas aqueles que convivem diretamente com ela. Suas vidas estão emaranhadas no mundo de Demi, então eles também vivem nessa montanha russa”.

Hannah ficou satisfeita com o resultado final. “No fim do dia, eu realmente gosto do que fizemos. Sabíamos do potencial e que Demi tinha uma história a contar, então eu quis ter a certeza de que faríamos do jeito certo”.

Veja o documentário Simply Complicated:

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
2
Saudade
Eduardo Costa
3
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
4
Bengala E Crochê
Maiara & Maraisa
5
Aquela Pessoa
Henrique & Juliano
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Diretora do documentário de Demi Lovato fala sobre produção do projeto

Hannah Lux Davis já havia trabalhado com a cantora anteriormente em clipes como “Cool For The Summer” e “Sorry Not Sorry”

por Redação em 18/10/2017

É a manhã após o lançamento do documentário de Demi Lovato, Simply Complicated, e a diretora Hannah Lux Davis está vibrando. “Foi incrível assistir com o público”, disse Hannah sobre o projeto em que esteve envolvida pela maior parte do ano. “Foi definitivamente o projeto mais difícil que já fiz. Não quero dizer que me esgotou, mas foi mentalmente exaustivo”.

DEMI LOVATO REVELA QUE CLIPE DE “SORRY NOT SORRY” FOI INSPIRADO POR SNOOP DOGG

Conhecida por ser uma das melhores diretoras de clipes pop, Hannah deixou sua marca visual em tudo, desde o single de Jason Derulo “If I’m Lucky”, a “Love Me” de Lil Wayne, Drake e Future. Ela também é conhecida por ter bons relacionamentos profissionais com estrelas em ascensão, dirigindo vídeos para Ariana Grande (“Love Me Harder”, “Focus”, “Into You” e “Bang Bang”) e Hailee Steinfeld (“Most Girls”, “Love Myself” e “At My Best”). Sobre seu trabalho com Demi, as duas se conheceram em 2013 quando Hannah foi escolhida para dirigir o clipe de “Cool For The Summer”.

“Demi sempre foi alguém que eu era fã, desde os dias de Camp Rock. Eu amo música pop e já queria trabalhar com ela, então quando eu fui chamada para dirigir ‘Cool For The Summer’ em uma sexta, fizemos a gravação na segunda. Foi uma reviravolta insana”, relembrou.

hannahluxdavis

Na época, Demi estava passando por uma transição criativa e a faixa foi seu primeiro single desde sua fase adolescente e Hannah disse que ela estava disposta a crescer e se transformar em uma mulher adulta que canta pop. “Naquele momento, ela estava passando por uma fase na carreira em que tinha mais controle e criatividade. Estava se desenvolvendo como artista, então trabalhar naquele vídeo foi legal para entrar em contato com ela e sua equipe”.

O vídeo foi um sucesso e, desde então, já foi assistido mais de 290 milhões de vezes no YouTube. Hannah e Demi se reuniram novamente este ano para os clipes de “Sorry Not Sorry” e “No Promises”, colaboração com o grupo Cheat Codes. Elas também se tornaram mais próximas por malhar na mesma academia em Los Angeles. “Foi um ótimo lugar para nos aproximarmos porque a equipe inteira dela treina lá também. Ela trazia suas novas músicas para tocar na academia e isso naturalmente permitiu uma colaboração”.

DEMI LOVATO FALA SOBRE O CAMINHO PARA O SUCESSO

Ao mesmo tempo, Demi estava conversando com o YouTube para produzir um documentário dividido em episódios. A ideia inicial acabou não acontecendo e um documentário no formato tradicional foi criado. Hannah foi chamada para trabalhar no projeto e, uma semana após assinar o contrato, ela estava em Marrocos com Demi e sua equipe. “Começamos analisando a agenda dela para ver o que ia acontecer. Vimos que ela estaria em um festival na África e foi meio que ‘bem, então parece que vamos para a África’. Depois, teve algo em Dallas e em Cannes”.

Enquanto a maioria dos documentários leva anos entre gravação e edição, Hannah trabalhou com um cronograma truncado, com as filmagens acontecendo entre junho e setembro. Havia o desafio de falar sobre todos os temas da vida de Demi, desde as questões pessoais (a reabilitação, a morte de seu pai) até as profissionais (a gravação do novo álbum). O resultado é o que Hannah chama de uma visão “crua” da vida de Demi, com menção ao incidente em que a cantora deu um soco no rosto de uma dançarina.

RELEMBRE O SHOW DE DEMI LOVATO EM SÃO PAULO EM DEZEMBRO DE 2016

“Obviamente, ela passou por muitas turbulências na vida, então não foi algo fácil de se fazer. Tive que ser uma esponja de cada situação que acontecia a minha volta. Não apenas o que Demi fazia ou onde ela estava, mas para as pessoas da vida dela também. Muitas pessoas foram afetadas por ela, não apenas seus fãs, mas aqueles que convivem diretamente com ela. Suas vidas estão emaranhadas no mundo de Demi, então eles também vivem nessa montanha russa”.

Hannah ficou satisfeita com o resultado final. “No fim do dia, eu realmente gosto do que fizemos. Sabíamos do potencial e que Demi tinha uma história a contar, então eu quis ter a certeza de que faríamos do jeito certo”.

Veja o documentário Simply Complicated: