NOTÍCIAS

Filhos de James Brown lançam livros lembrando a violência do pai

por em 18/09/2014
Dois
novos livros sobre James Brown escritos por filhos do cantor oferecem um olhar perturbador sobre seu controverso mundo. Além de descrições gráficas de violência familiar, há relatos de terríveis assassinatos de parentes remontando há  40 anos. Em sua nova biografia, Cold sweat (Suor frio), Yamma Brown conta como seu pai espancava a segunda mulher, Dee Dee. Outra obra, Inside the Godfather (Por dentro do Padrinho) escrita pelo meio-irmão de Yamma, Daryl Brown, sugere que o legendário Padrinho do Soul foi assassinato – assim como outros membros de sua família. A biografia lançada em 2012, The one, escrita por R. J. Smith, já detalhava bem a personalidade abusiva de Brown, mas o lançamento de Yamma dá novas cores e detalhes vívidos de sua violência. As surras na mãe da autora, jogada contra a parede diversas vezes, “eram como um trovão varrendo a casa”. O silêncio que vinha imediatamente após era “pior”. “Nesse momento eu e minha irmã ficávamos na dúvida se nossa mãe estava viva ou morta, e com medo de sermos as próximas vítimas”, conta Yamma. Em outra cena, presenciada aos 5 anos, ela descreve: “Minha mãe estava com um vestido azul e branco, as pernas totalmente abertas, e meu pai, montado nela, batia com punhos fechados. Sangue jorrava do rosto dela, que tentava se soltar chutando o ar e se debatendo”. No livro de outro dos nove filhos de James Brown, Daryl, ele escreve com todas as letras: “Meu pai foi assassinado”. Sem oferecer provas concretas, o livro Inside the Godfather sugere que o crime foi cometido por pessoas do círculo interno do cantor. Daryl escreve que o homicídio de Darren Lumar (ex-marido de Yamma Brown) em 2008 está de alguma forma ligado à morte de James Brown.
  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Bengala E Crochê
Maiara & Maraisa
2
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
3
Saudade
Eduardo Costa
4
Amor Da Sua Cama
Felipe Araújo
5
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Filhos de James Brown lançam livros lembrando a violência do pai

por em 18/09/2014
Dois
novos livros sobre James Brown escritos por filhos do cantor oferecem um olhar perturbador sobre seu controverso mundo. Além de descrições gráficas de violência familiar, há relatos de terríveis assassinatos de parentes remontando há  40 anos. Em sua nova biografia, Cold sweat (Suor frio), Yamma Brown conta como seu pai espancava a segunda mulher, Dee Dee. Outra obra, Inside the Godfather (Por dentro do Padrinho) escrita pelo meio-irmão de Yamma, Daryl Brown, sugere que o legendário Padrinho do Soul foi assassinato – assim como outros membros de sua família. A biografia lançada em 2012, The one, escrita por R. J. Smith, já detalhava bem a personalidade abusiva de Brown, mas o lançamento de Yamma dá novas cores e detalhes vívidos de sua violência. As surras na mãe da autora, jogada contra a parede diversas vezes, “eram como um trovão varrendo a casa”. O silêncio que vinha imediatamente após era “pior”. “Nesse momento eu e minha irmã ficávamos na dúvida se nossa mãe estava viva ou morta, e com medo de sermos as próximas vítimas”, conta Yamma. Em outra cena, presenciada aos 5 anos, ela descreve: “Minha mãe estava com um vestido azul e branco, as pernas totalmente abertas, e meu pai, montado nela, batia com punhos fechados. Sangue jorrava do rosto dela, que tentava se soltar chutando o ar e se debatendo”. No livro de outro dos nove filhos de James Brown, Daryl, ele escreve com todas as letras: “Meu pai foi assassinado”. Sem oferecer provas concretas, o livro Inside the Godfather sugere que o crime foi cometido por pessoas do círculo interno do cantor. Daryl escreve que o homicídio de Darren Lumar (ex-marido de Yamma Brown) em 2008 está de alguma forma ligado à morte de James Brown.