NOTÍCIAS

Gui Amabis lança um clipe de cinema – e isso não é uma figura de linguagem

Vídeo de "Patrulha Desorientada" foi gravado nos bastidores do filme A Estrada 47 e foi dirigido por Júlio Andrade na Itália

por Marcos Lauro em 29/08/2017

Quando vemos um clipe muito bem produzido e realizado, costumamos usar uma figura de linguagem e chamar de “clipe de cinema”. Mas hoje é real: “Patrulha Desorientada”, de Gui Amabis, é, literalmente, um clipe de cinema. Ele foi gravado nos bastidores do filme A Estrada 47, dirigido por Vicente Ferraz e rodado na Itália. Coloque o fone de ouvido, abra o vídeo em tela cheia e veja em primeira mão aqui na Billboard Brasil:

O clipe foi dirigido pelo ator Julio Andrade. "Júlio é uma das pessoas mais especiais que conheço, comprometido com a arte e a vida. Ele é um criador nato. Nos conhecemos em 2012, na casa dele e do [quadrinista] Rafael Grampá. Na época, Rafael fazia a capa do meu segundo disco, Trabalhos Carnívoros, que lancei naquele mesmo ano”, explica o músico Gui Amabis.

O longa, que estreou em 2015 nos cinemas, é um drama sobre uma unidade da Força Expedicionária Brasileira, pelotão brasileiro que participou da Segunda Guerra Mundial. Boa parte do elenco do filme está no clipe: Daniel de Oliveira, o próprio Julio Andrade, Francisco Gaspar, Ivo Canelas e o garoto Lorenzo.

"Quando lancei meu terceiro disco, Ruivo em Sangue, em 2015, o Júlio disse de cara que queria fazer um novo clipe para mim. Passamos por algumas ideias, mas nenhuma se concretizou, até que recentemente ele mostrou essas imagens captadas em 2011, durante as gravações do filme, que se encaixavam perfeitamente com ‘Patrulha Desorientada’, diz Amabis, que conta ainda que compôs a música em 2014, depois da captação das imagens e antes do lançamento do filme: “Parece que o tempo encontra o jeito e algo nasce dessa mistura".

Além de Gui Amabis, estão na faixa: Marcelo Cabral (parceiro na composição, contrabaixo), Dustan Gallas (guitarra), Regis Damasceno (violão/guitarra) e Thiago França (sax tenor).

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
2
Amor Da Sua Cama
Felipe Araújo
3
Saudade
Eduardo Costa
4
Bengala E Crochê
Maiara & Maraisa
5
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Gui Amabis lança um clipe de cinema – e isso não é uma figura de linguagem

Vídeo de "Patrulha Desorientada" foi gravado nos bastidores do filme A Estrada 47 e foi dirigido por Júlio Andrade na Itália

por Marcos Lauro em 29/08/2017

Quando vemos um clipe muito bem produzido e realizado, costumamos usar uma figura de linguagem e chamar de “clipe de cinema”. Mas hoje é real: “Patrulha Desorientada”, de Gui Amabis, é, literalmente, um clipe de cinema. Ele foi gravado nos bastidores do filme A Estrada 47, dirigido por Vicente Ferraz e rodado na Itália. Coloque o fone de ouvido, abra o vídeo em tela cheia e veja em primeira mão aqui na Billboard Brasil:

O clipe foi dirigido pelo ator Julio Andrade. "Júlio é uma das pessoas mais especiais que conheço, comprometido com a arte e a vida. Ele é um criador nato. Nos conhecemos em 2012, na casa dele e do [quadrinista] Rafael Grampá. Na época, Rafael fazia a capa do meu segundo disco, Trabalhos Carnívoros, que lancei naquele mesmo ano”, explica o músico Gui Amabis.

O longa, que estreou em 2015 nos cinemas, é um drama sobre uma unidade da Força Expedicionária Brasileira, pelotão brasileiro que participou da Segunda Guerra Mundial. Boa parte do elenco do filme está no clipe: Daniel de Oliveira, o próprio Julio Andrade, Francisco Gaspar, Ivo Canelas e o garoto Lorenzo.

"Quando lancei meu terceiro disco, Ruivo em Sangue, em 2015, o Júlio disse de cara que queria fazer um novo clipe para mim. Passamos por algumas ideias, mas nenhuma se concretizou, até que recentemente ele mostrou essas imagens captadas em 2011, durante as gravações do filme, que se encaixavam perfeitamente com ‘Patrulha Desorientada’, diz Amabis, que conta ainda que compôs a música em 2014, depois da captação das imagens e antes do lançamento do filme: “Parece que o tempo encontra o jeito e algo nasce dessa mistura".

Além de Gui Amabis, estão na faixa: Marcelo Cabral (parceiro na composição, contrabaixo), Dustan Gallas (guitarra), Regis Damasceno (violão/guitarra) e Thiago França (sax tenor).