NOTÍCIAS

Harry Styles fala, pela primeira vez, sobre ser tema das músicas de Taylor Swift

por em 10/11/2014
Por
Colin Stutz Não é nenhum segredo que Taylor Swift gosta de transformar suas relações antigas em material precioso para as suas músicas. Mas nem sempre podemos ouvir o que os ex da loirinha têm a dizer sobre isso. Ontem (09/11), o ex-namorado mais conhecido da cantora, Harry Styles, do One Direction, teve sua chance de resposta e foi muito diplomático. As palavras “racional” e “superior” podem ser apropriadas para descrever sua fala. Durante um hangout com os fãs da banda britânica na internet, o diretor Ben Winston, que produziu o filme One Direction: This Is Us, perguntou a Styles como é ser o tema de músicas famosas. O cantor respondeu: “Nós escrevemos sobre experiências pessoais e acho que todo mundo faz isso. Seria hipócrita se disséssemos ‘você não pode escrever sobre nós’. E ela é muito boa, então são boas músicas. Tenho muita sorte neste sentido”.
  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Bengala E Crochê
Maiara & Maraisa
2
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
3
Saudade
Eduardo Costa
4
Amor Da Sua Cama
Felipe Araújo
5
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Harry Styles fala, pela primeira vez, sobre ser tema das músicas de Taylor Swift

por em 10/11/2014
Por
Colin Stutz Não é nenhum segredo que Taylor Swift gosta de transformar suas relações antigas em material precioso para as suas músicas. Mas nem sempre podemos ouvir o que os ex da loirinha têm a dizer sobre isso. Ontem (09/11), o ex-namorado mais conhecido da cantora, Harry Styles, do One Direction, teve sua chance de resposta e foi muito diplomático. As palavras “racional” e “superior” podem ser apropriadas para descrever sua fala. Durante um hangout com os fãs da banda britânica na internet, o diretor Ben Winston, que produziu o filme One Direction: This Is Us, perguntou a Styles como é ser o tema de músicas famosas. O cantor respondeu: “Nós escrevemos sobre experiências pessoais e acho que todo mundo faz isso. Seria hipócrita se disséssemos ‘você não pode escrever sobre nós’. E ela é muito boa, então são boas músicas. Tenho muita sorte neste sentido”.