NOTÍCIAS

Hit “Exagerado”, de Cazuza, é refeito em homenagem aos 30 anos do seu lançamento

por em 26/05/2015

Em 1985, Cazuza deixou o Barão Vermelho e lançou-se em carreira solo. Em novembro do mesmo ano, saiu o álbum Exagerado. Seu primeiro single, a canção que deu título ao disco, composta por Cazuza, Leoni e Ezequiel Neves, tornou-se um dos maiores sucessos da carreira do cantor. Em celebração aos 30 anos da obra, foi feito o “re-colour” do single, intitulado “Exagerado 3.0”. Ouça:

https://www.youtube.com/watch?v=RQFLSOBAR5M

O processo de “re-colour” consiste em mexer na música, com trilhas e elementos instrumentais inéditos, para estética e “cores” mais contemporâneas, mas mantendo a voz original do cantor.

“Exagerado 3.0” tem produção musical de Liminha – que também toca violão e baixo –, bateria e pandeirola de João Barone (de Os Paralamas do Sucesso), guitarra de Dado Villa Lobos (Legião Urbana), teclado e programações de Kassin e mixagem de Liminha e Daniel Alcoforado.

Parte dos direitos obtidos com a venda digital da nova versão da música será doada à Sociedade Viva Cazuza, que completa 25 anos neste ano e criada por Lucinha Araújo, mãe do cantor e compositor, para dar assistência à crianças e adolescentes portadores do vírus HIV, assistência social a pacientes adultos em tratamento na rede pública na cidade do Rio de Janeiro e para difundir informações científicas sobre a doença entre profissionais de saúde e leigos.

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
2
Amor Da Sua Cama
Felipe Araújo
3
Saudade
Eduardo Costa
4
Bengala E Crochê
Maiara & Maraisa
5
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Hit “Exagerado”, de Cazuza, é refeito em homenagem aos 30 anos do seu lançamento

por em 26/05/2015

Em 1985, Cazuza deixou o Barão Vermelho e lançou-se em carreira solo. Em novembro do mesmo ano, saiu o álbum Exagerado. Seu primeiro single, a canção que deu título ao disco, composta por Cazuza, Leoni e Ezequiel Neves, tornou-se um dos maiores sucessos da carreira do cantor. Em celebração aos 30 anos da obra, foi feito o “re-colour” do single, intitulado “Exagerado 3.0”. Ouça:

https://www.youtube.com/watch?v=RQFLSOBAR5M

O processo de “re-colour” consiste em mexer na música, com trilhas e elementos instrumentais inéditos, para estética e “cores” mais contemporâneas, mas mantendo a voz original do cantor.

“Exagerado 3.0” tem produção musical de Liminha – que também toca violão e baixo –, bateria e pandeirola de João Barone (de Os Paralamas do Sucesso), guitarra de Dado Villa Lobos (Legião Urbana), teclado e programações de Kassin e mixagem de Liminha e Daniel Alcoforado.

Parte dos direitos obtidos com a venda digital da nova versão da música será doada à Sociedade Viva Cazuza, que completa 25 anos neste ano e criada por Lucinha Araújo, mãe do cantor e compositor, para dar assistência à crianças e adolescentes portadores do vírus HIV, assistência social a pacientes adultos em tratamento na rede pública na cidade do Rio de Janeiro e para difundir informações científicas sobre a doença entre profissionais de saúde e leigos.