NOTÍCIAS

Kings Of Leon e Paramore são os destaques do Circuito Cultural Banco do Brasil

por em 02/11/2014
Por
Angela Destri Após passar por Belo Horizonte e Brasília, o Circuito Banco do Brasil fez ontem (01/11) sua parada em São Paulo. Em um dia que começou com um sol forte e terminou com muita chuva, o festival reuniu 30 mil pessoas no Campo de Marte para assistir aos shows de Pitty, Skank, MGMT, Paramore e Kings Of Leon. No próximo sábado (08/11), a edição deste ano do evento será finalizada no Rio de Janeiro, na Praça da Apoteose. kings A banda liderada por Caleb Followill foi a última atração a subir ao palco, com alguns minutos de atraso, e mostrou a que veio ao abrir o show com “Supersoaker”, carro-chefe de Mechanical Bull, último álbum do grupo, lançado em 2013. Em pouco mais de uma hora, os netos de Leon fizeram um bom equilíbrio entre hits antigos e atuais, além de outras músicas de seu trabalho mais recente. Como não podia deixar de ser, “Use Somebody”, single que os colocou de vez no radar da audiência brasileira, em 2008, concluiu a primeira parte do show e fez o público cantar e dançar. O quarteto retornou para o bis, no qual tocou mais três músicas, finalizando a apresentação com a envolvente “Sex On Fire”. Sob muitos aplausos, o Kings Of Leon realizou um show bastante redondo e agradou geral, mesmo sob reclamações de som muito baixo, o que aconteceu durante todo o dia, mas agravou-se no número final. paramore Dentre as diversas bandas que estampavam camisetas, uma ganhava de lavada: Paramore. O trio subiu ao palco antes do headliner, fez um show bastante animado e recebeu a empolgação de volta. Seus maiores singles, como “Decode”, “That’s What You Get” e “Misery Business”, foram acompanhados pelos fãs, que gritavam a plenos pulmões. As músicas do álbum homônimo da banda, lançado no ano passado, já eram grandes conhecidas de seus admiradores, casos de “Still Into You”, a primeira do setlist, e “Proof”. Durante essa última, os mais apaixonados pelo grupo levaram plaquinhas com a palavra “yes” (elas subiam após o trecho “So do you love me? All you gotta do is say yes”). Como já era esperado, a vocalista Hayley Williams não parou de pular em cima do palco, interagiu constantemente com o público e esbanjou muita simpatia. mgmt O MGMT foi a primeira atração internacional a se apresentar e não foi nenhuma grande surpresa. Mostrando que não mudou desde sua última passagem pelo Brasil, no Lollapalooza de 2012, o duo fez um show morno e apático. O público mostrou apenas alguma empolgação durante os maiores hits do grupo: “Electric Feel”, “Time To Pretend” e “Kids”. skank   Antes da dupla americana, quem subiu ao palco foi o Skank que, mesmo com a forte chuva que começou a cair, conseguiu fazer os presentes cantarem e dançarem lançando mão de seus muitos hits. Foi nesse momento também que os mais velhos (muitos pais que foram acompanhar os filhos) aproveitaram o festival. “Vou Deixar” foi a responsável pela melhor resposta da plateia. Para concluir com grande estilo, os mineiros chamaram ao palco dois integrantes da banda gaúcha Cachorro Grande para tocar “Helter Skelter”, clássico da “maior banda de todos os tempos”, como Samuel Rosa classificou aos Beatles. pitty A baiana Pitty tocou mais cedo. Reunindo um grande número de espectadores, a cantora focou em seus maiores hits, mas apresentou alguma coisa de seu novo álbum, Setevidas, lançado neste ano. Ela emendou os singles “Me Adora”, acompanhado por um coro de seus fãs, “Na Sua Estante” e “Máscara”. A última foi “Serpente”, segundo single do último trabalho, que terá clipe lançado na semana que vem.
  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Bengala E Crochê
Maiara & Maraisa
2
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
3
Saudade
Eduardo Costa
4
Amor Da Sua Cama
Felipe Araújo
5
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Kings Of Leon e Paramore são os destaques do Circuito Cultural Banco do Brasil

por em 02/11/2014
Por
Angela Destri Após passar por Belo Horizonte e Brasília, o Circuito Banco do Brasil fez ontem (01/11) sua parada em São Paulo. Em um dia que começou com um sol forte e terminou com muita chuva, o festival reuniu 30 mil pessoas no Campo de Marte para assistir aos shows de Pitty, Skank, MGMT, Paramore e Kings Of Leon. No próximo sábado (08/11), a edição deste ano do evento será finalizada no Rio de Janeiro, na Praça da Apoteose. kings A banda liderada por Caleb Followill foi a última atração a subir ao palco, com alguns minutos de atraso, e mostrou a que veio ao abrir o show com “Supersoaker”, carro-chefe de Mechanical Bull, último álbum do grupo, lançado em 2013. Em pouco mais de uma hora, os netos de Leon fizeram um bom equilíbrio entre hits antigos e atuais, além de outras músicas de seu trabalho mais recente. Como não podia deixar de ser, “Use Somebody”, single que os colocou de vez no radar da audiência brasileira, em 2008, concluiu a primeira parte do show e fez o público cantar e dançar. O quarteto retornou para o bis, no qual tocou mais três músicas, finalizando a apresentação com a envolvente “Sex On Fire”. Sob muitos aplausos, o Kings Of Leon realizou um show bastante redondo e agradou geral, mesmo sob reclamações de som muito baixo, o que aconteceu durante todo o dia, mas agravou-se no número final. paramore Dentre as diversas bandas que estampavam camisetas, uma ganhava de lavada: Paramore. O trio subiu ao palco antes do headliner, fez um show bastante animado e recebeu a empolgação de volta. Seus maiores singles, como “Decode”, “That’s What You Get” e “Misery Business”, foram acompanhados pelos fãs, que gritavam a plenos pulmões. As músicas do álbum homônimo da banda, lançado no ano passado, já eram grandes conhecidas de seus admiradores, casos de “Still Into You”, a primeira do setlist, e “Proof”. Durante essa última, os mais apaixonados pelo grupo levaram plaquinhas com a palavra “yes” (elas subiam após o trecho “So do you love me? All you gotta do is say yes”). Como já era esperado, a vocalista Hayley Williams não parou de pular em cima do palco, interagiu constantemente com o público e esbanjou muita simpatia. mgmt O MGMT foi a primeira atração internacional a se apresentar e não foi nenhuma grande surpresa. Mostrando que não mudou desde sua última passagem pelo Brasil, no Lollapalooza de 2012, o duo fez um show morno e apático. O público mostrou apenas alguma empolgação durante os maiores hits do grupo: “Electric Feel”, “Time To Pretend” e “Kids”. skank   Antes da dupla americana, quem subiu ao palco foi o Skank que, mesmo com a forte chuva que começou a cair, conseguiu fazer os presentes cantarem e dançarem lançando mão de seus muitos hits. Foi nesse momento também que os mais velhos (muitos pais que foram acompanhar os filhos) aproveitaram o festival. “Vou Deixar” foi a responsável pela melhor resposta da plateia. Para concluir com grande estilo, os mineiros chamaram ao palco dois integrantes da banda gaúcha Cachorro Grande para tocar “Helter Skelter”, clássico da “maior banda de todos os tempos”, como Samuel Rosa classificou aos Beatles. pitty A baiana Pitty tocou mais cedo. Reunindo um grande número de espectadores, a cantora focou em seus maiores hits, mas apresentou alguma coisa de seu novo álbum, Setevidas, lançado neste ano. Ela emendou os singles “Me Adora”, acompanhado por um coro de seus fãs, “Na Sua Estante” e “Máscara”. A última foi “Serpente”, segundo single do último trabalho, que terá clipe lançado na semana que vem.