NOTÍCIAS

Leia a resenha de Sonic Highways, novo do Foo Fighters

por em 18/11/2014
ong>FOO FIGHTERS SONIC HIGHWAYS Sony “Generator”, “Learn To Fly”, “Long Road To Ruin”, “This Is A Call”... A maioria das músicas boas do Foo Fighters tem menos de quatro minutos de duração. Lançada há vinte anos, “Big Me”, a joia pop que indicava que o grupo poderia virar um gigante do mainstream (como, de fato, acabou virando), dura exatos 2 minutos e 12 segundos. Já a média de tempo das faixas de Sonic Highways, oitavo trabalho do grupo, é de 5m12. Fosse um disco de “reinvenção sonora”, essa questão não teria a menor relevância. Mas o que encontramos no álbum, a despeito de cada faixa ter sido gravada num estúdio diferente, com diversos convidados especiais, é a mesma banda de sempre, calcando quase todos os arranjos em guitarra, baixo e bateria, apenas demorando demais para concluir seus rocks. Ainda que as melodias de “In The Clear” e “Congregation” grudem no cérebro rapidamente, não estamos tratando do disco mais inspirado de Dave Grohl e seus comparsas. Seria o menos inspirado? Caberia ouvir os outros sete registros atentamente para ter certeza disso. E quem tem tanto tempo assim para perder com o Foo Fighters em 2014, afinal? (José Flávio Júnior) http://www.youtube.com/watch?v=V_YlZ1JdcVk
  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Bengala E Crochê
Maiara & Maraisa
2
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
3
Saudade
Eduardo Costa
4
Amor Da Sua Cama
Felipe Araújo
5
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Leia a resenha de Sonic Highways, novo do Foo Fighters

por em 18/11/2014
ong>FOO FIGHTERS SONIC HIGHWAYS Sony “Generator”, “Learn To Fly”, “Long Road To Ruin”, “This Is A Call”... A maioria das músicas boas do Foo Fighters tem menos de quatro minutos de duração. Lançada há vinte anos, “Big Me”, a joia pop que indicava que o grupo poderia virar um gigante do mainstream (como, de fato, acabou virando), dura exatos 2 minutos e 12 segundos. Já a média de tempo das faixas de Sonic Highways, oitavo trabalho do grupo, é de 5m12. Fosse um disco de “reinvenção sonora”, essa questão não teria a menor relevância. Mas o que encontramos no álbum, a despeito de cada faixa ter sido gravada num estúdio diferente, com diversos convidados especiais, é a mesma banda de sempre, calcando quase todos os arranjos em guitarra, baixo e bateria, apenas demorando demais para concluir seus rocks. Ainda que as melodias de “In The Clear” e “Congregation” grudem no cérebro rapidamente, não estamos tratando do disco mais inspirado de Dave Grohl e seus comparsas. Seria o menos inspirado? Caberia ouvir os outros sete registros atentamente para ter certeza disso. E quem tem tanto tempo assim para perder com o Foo Fighters em 2014, afinal? (José Flávio Júnior) http://www.youtube.com/watch?v=V_YlZ1JdcVk