NOTÍCIAS

LISTA: Hits feitos para uns e gravados por outros artistas

por em 09/01/2014
Imagem: Divulgação

No ano passado, Nicole Scherzinger revelou que recusou a oportunidade de gravar o hit “We Found Love”, um dos maiores sucessos da carreira de Rihanna. Porém, essa situação, que se repetiu recentemente com a revelação de que "Wrecking Ball" foi escrita para Beyoncé e não para sua intérprete Miley Cyrus, não é incomum no mundo da música.

A última metade do século passado é recheada de exemplos de icônicas canções do pop que foram originalmente escritas para determinados artistas, mas fizeram sucesso na voz de outros intérpretes. Confira a lista de 14 artistas que deixaram passar a oportunidade de gravar um grande hit:

"Telephone" – Sucesso de Lady Gaga foi recusado por Britney Spears

Apesar de assinar a composição de “Telephone”, Gaga admitiu que a música foi originalmente escrita para integrar Circus, álbum lançado por Britney Spears em 2008. Diante da recusa da Princesinha do Pop, a cantora resolveu resgatar a faixa e lançá-la em parceria com Beyoncé no disco The Fame Monster.

"Disturbia" – Sucesso de Rihanna foi recusado por Chris Brown

Alguns meses antes do fatídico Grammy de 2009, marcado pela famosa agressão de Chris Brown a Rihanna, o cantor ajudou a compor uma música chamada “Disturbia”. O hit em potencial seria registrado na versão de luxo do disco Exclusive, mas Brown acabou optando por colocar a faixa “Forever”, um de seus maiores hits, entre as inéditas do disco. A música não ficou sem dono e, na voz de Rihanna, sua namorada na época, conquistou o topo do Hot 100.

"Rock Your Body" – Sucesso na voz de Justin Timberlake foi recusado por Michael Jackson

Imagine como poderia ser diferente se Michael Jackson tivesse incluído “Rock Your Body” e outras faixas do mesmo estilo no último- e irregular- álbum de sua carreira, Invincible (1999). Agora imagine o que seria da estreia solo de Justin Timberlake sem a benção dessa pérola pop? Michael Jackson dispensou “Rock Your Body” e diversas faixas lançadas em Justified (2002), disco que fez de Timberlake um dos principais nomes da nova música pop.

"Since U Been Gone" – Sucesso na voz de Kelly Clarkson foi recusado por P!nk e Hillary Duff

Os produtores Dr. Luke e Max Martin originalmente uniram-se para dar a P!nk outro hit. Com a recusa da cantora, a dupla ofereceu o sucesso em potencial para Hillary Duff, que não teve tempo de aceitar a canção. Há quem diga que Clive Davis foi o responsável por convencer os produtores a deixarem a faixa nas mãos de Kelly Clarkson, que a transformou na peça central do disco Breakaway e a ajudou a vender 2,6 milhões de singles, de acordo com a Nielsen SoundScan.

“N---as in Paris” – Sucesso na voz de Jay-Z e Kanye West foi recusado por Pusha T

A faixa assinada por Hit-Boy foi o maior sucesso do disco colaborativo Watch The Throne, de Jay-Z e Kanye West, mas por muito pouco não foi lançada pelo ex-integrante do Clipse. Em 2011, T disse que ele não tem certeza se o hit teria sido igualmente irresistível na sua voz: “Não sei se teria atacado dessa maneira, o que quer dizer que a música poderia não ter sido tão especial na minha versão”.

"Umbrella" – Sucesso na voz de Rihanna foi recusado por Britney Spears

Em 2007, Britney Spears estava longe de estar passando por um de seus melhores momentos e um suposto retorno ao mundo musical ainda estava para ser anunciado. Na ocasião, The-Dream teria oferecido a faixa para a loira em uma tentativa de projetar sua volta ao trono. Para a tristeza da Princesinha do Pop, que mais tarde estreou a não tão boa “Gimme More”, seus empresários vetaram “Umbrella”, que acabou catapultando a carreira da, até então estreante, Rihanna. É difícil imaginar como seria o hit na voz de Britney e impossível saber como teria sido a carreira de Rihanna sem a música.

"Nothin' On You" – Sucesso na voz de B.o.B e Bruno Mars foi recusada por Lupe Fiasco

Antes de B.o.B e Bruno Mars se juntarem para a gravação da faixa que iria alavancar a carreira dos dois, "Nothin' On You" foi oferecida a Lupe Fiasco. A música foi supostamente rejeitada pela gravadora de Fiasco, o que mais tarde foi o motivo da ruptura dele com a empresa.

"…Baby One More Time" – Sucesso na voz de Britney Spears foi rejeitada pelo grupo TLC

A rejeição do grupo TLC ao hit “...Baby One More Time” é um daqueles casos que poderia ter mudado completamente a história da música dos dois lados. O título foi oferecido para o álbum Fan Mail, lançado em 1999 pelo trio feminino. As cantoras de R&B disseram não para a canção que, mais tarde, lançou Britney Spears no mercado. Sem a faixa, a loira talvez não tivesse estreado de maneira tão impactante, enquanto as TLC poderiam ter tido um desempenho ainda melhor do disco no mercado.

"Whataya Want From Me" – Sucesso na voz de Adam Lambert foi recusado por P!nk

O maior sucesso da carreira de Adam Lambert por pouco não foi parar no álbum Funhouse, de P!nk. A cantora é creditada como co-autora da faixa e até chegou a registrar sua versão no disco Greatest Hits… So Far, lançado em 2010.

"Toxic" – Sucesso na voz de Britney Spears foi recusado por Kylie Minogue

A faixa que rendeu a Britney Spears seu primeiro Grammy por pouco não foi uma sequencia lógica do hit “Can't Get You Out Of My Head”, de Kylie Minogue. “Escutei um trecho no escritório da gravadora e votei contra”, explicou a cantora em uma entrevista de 2008. “É como um peixe que escapa. Só resta aceitar”, acrescentou Kelly.

"Holiday" – Sucesso na voz de Madonna foi recusado por Mary Wilson

A dançante “Holiday” foi oferecida primeiro à Phyllis Hyman e depois à fundadora do Supremes, Mary Wilson. A música foi uma das primeiras da Material Girl a entrar nas paradas da Billboard, mas fica a curiosidade de saber como a faixa teria soado na versão R&B.

"I'm A Slave 4 U" – Sucesso na voz de Britney Spears foi recusado por Janet Jackson

Por muito pouco “I’M A Slave 4 U” não tomou um rumo completamente diferente. A faixa, carregada de sensualidade na voz de Britney Spears, quase virou uma balada romântica na interpretação de Janet Jackson, que recusou a faixa para a alegria dos marmanjos que puderam presenciar a inesquecível- e super sexy- apresentação de Britney no VMA de 2001.

"Don't Cha" – Sucesso do Pussycat Dolls foi recusado por Paris Hilton

Lançado em 2005, o single de estreia das Pussycat Dolls chegou a ser oferecido para as Sugababes e por pouco não virou uma investida bem sucedida de Paris Hilton na carreira musical.

"Let's Get Loud" – Sucesso de Jennifer Lopez recusado por Gloria Estefan

A música foi originalmente escrita por Gloria Estefan e Kike Santander para um disco da própria estrela latina. Porém, Gloria desistiu da canção, que se transformou em um dos maiores sucessos de Jennifer Lopez, em 1999. Certamente a música seria bem sucedida na voz de sua autora, mas ajudou a catapultar J-Lo para um outro nível da fama. 

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Pegada que Desgrama
Naiara Azevedo
2
Rapariga Não (Part. Simone & Simaria)
João Neto & Frederico
3
Dona Maria (Part. Jorge)
Thiago Brava
4
Apelido Carinhoso
Gusttavo Lima
5
Amor Da Sua Cama
Felipe Araújo
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

LISTA: Hits feitos para uns e gravados por outros artistas

por em 09/01/2014
Imagem: Divulgação

No ano passado, Nicole Scherzinger revelou que recusou a oportunidade de gravar o hit “We Found Love”, um dos maiores sucessos da carreira de Rihanna. Porém, essa situação, que se repetiu recentemente com a revelação de que "Wrecking Ball" foi escrita para Beyoncé e não para sua intérprete Miley Cyrus, não é incomum no mundo da música.

A última metade do século passado é recheada de exemplos de icônicas canções do pop que foram originalmente escritas para determinados artistas, mas fizeram sucesso na voz de outros intérpretes. Confira a lista de 14 artistas que deixaram passar a oportunidade de gravar um grande hit:

"Telephone" – Sucesso de Lady Gaga foi recusado por Britney Spears

Apesar de assinar a composição de “Telephone”, Gaga admitiu que a música foi originalmente escrita para integrar Circus, álbum lançado por Britney Spears em 2008. Diante da recusa da Princesinha do Pop, a cantora resolveu resgatar a faixa e lançá-la em parceria com Beyoncé no disco The Fame Monster.

"Disturbia" – Sucesso de Rihanna foi recusado por Chris Brown

Alguns meses antes do fatídico Grammy de 2009, marcado pela famosa agressão de Chris Brown a Rihanna, o cantor ajudou a compor uma música chamada “Disturbia”. O hit em potencial seria registrado na versão de luxo do disco Exclusive, mas Brown acabou optando por colocar a faixa “Forever”, um de seus maiores hits, entre as inéditas do disco. A música não ficou sem dono e, na voz de Rihanna, sua namorada na época, conquistou o topo do Hot 100.

"Rock Your Body" – Sucesso na voz de Justin Timberlake foi recusado por Michael Jackson

Imagine como poderia ser diferente se Michael Jackson tivesse incluído “Rock Your Body” e outras faixas do mesmo estilo no último- e irregular- álbum de sua carreira, Invincible (1999). Agora imagine o que seria da estreia solo de Justin Timberlake sem a benção dessa pérola pop? Michael Jackson dispensou “Rock Your Body” e diversas faixas lançadas em Justified (2002), disco que fez de Timberlake um dos principais nomes da nova música pop.

"Since U Been Gone" – Sucesso na voz de Kelly Clarkson foi recusado por P!nk e Hillary Duff

Os produtores Dr. Luke e Max Martin originalmente uniram-se para dar a P!nk outro hit. Com a recusa da cantora, a dupla ofereceu o sucesso em potencial para Hillary Duff, que não teve tempo de aceitar a canção. Há quem diga que Clive Davis foi o responsável por convencer os produtores a deixarem a faixa nas mãos de Kelly Clarkson, que a transformou na peça central do disco Breakaway e a ajudou a vender 2,6 milhões de singles, de acordo com a Nielsen SoundScan.

“N---as in Paris” – Sucesso na voz de Jay-Z e Kanye West foi recusado por Pusha T

A faixa assinada por Hit-Boy foi o maior sucesso do disco colaborativo Watch The Throne, de Jay-Z e Kanye West, mas por muito pouco não foi lançada pelo ex-integrante do Clipse. Em 2011, T disse que ele não tem certeza se o hit teria sido igualmente irresistível na sua voz: “Não sei se teria atacado dessa maneira, o que quer dizer que a música poderia não ter sido tão especial na minha versão”.

"Umbrella" – Sucesso na voz de Rihanna foi recusado por Britney Spears

Em 2007, Britney Spears estava longe de estar passando por um de seus melhores momentos e um suposto retorno ao mundo musical ainda estava para ser anunciado. Na ocasião, The-Dream teria oferecido a faixa para a loira em uma tentativa de projetar sua volta ao trono. Para a tristeza da Princesinha do Pop, que mais tarde estreou a não tão boa “Gimme More”, seus empresários vetaram “Umbrella”, que acabou catapultando a carreira da, até então estreante, Rihanna. É difícil imaginar como seria o hit na voz de Britney e impossível saber como teria sido a carreira de Rihanna sem a música.

"Nothin' On You" – Sucesso na voz de B.o.B e Bruno Mars foi recusada por Lupe Fiasco

Antes de B.o.B e Bruno Mars se juntarem para a gravação da faixa que iria alavancar a carreira dos dois, "Nothin' On You" foi oferecida a Lupe Fiasco. A música foi supostamente rejeitada pela gravadora de Fiasco, o que mais tarde foi o motivo da ruptura dele com a empresa.

"…Baby One More Time" – Sucesso na voz de Britney Spears foi rejeitada pelo grupo TLC

A rejeição do grupo TLC ao hit “...Baby One More Time” é um daqueles casos que poderia ter mudado completamente a história da música dos dois lados. O título foi oferecido para o álbum Fan Mail, lançado em 1999 pelo trio feminino. As cantoras de R&B disseram não para a canção que, mais tarde, lançou Britney Spears no mercado. Sem a faixa, a loira talvez não tivesse estreado de maneira tão impactante, enquanto as TLC poderiam ter tido um desempenho ainda melhor do disco no mercado.

"Whataya Want From Me" – Sucesso na voz de Adam Lambert foi recusado por P!nk

O maior sucesso da carreira de Adam Lambert por pouco não foi parar no álbum Funhouse, de P!nk. A cantora é creditada como co-autora da faixa e até chegou a registrar sua versão no disco Greatest Hits… So Far, lançado em 2010.

"Toxic" – Sucesso na voz de Britney Spears foi recusado por Kylie Minogue

A faixa que rendeu a Britney Spears seu primeiro Grammy por pouco não foi uma sequencia lógica do hit “Can't Get You Out Of My Head”, de Kylie Minogue. “Escutei um trecho no escritório da gravadora e votei contra”, explicou a cantora em uma entrevista de 2008. “É como um peixe que escapa. Só resta aceitar”, acrescentou Kelly.

"Holiday" – Sucesso na voz de Madonna foi recusado por Mary Wilson

A dançante “Holiday” foi oferecida primeiro à Phyllis Hyman e depois à fundadora do Supremes, Mary Wilson. A música foi uma das primeiras da Material Girl a entrar nas paradas da Billboard, mas fica a curiosidade de saber como a faixa teria soado na versão R&B.

"I'm A Slave 4 U" – Sucesso na voz de Britney Spears foi recusado por Janet Jackson

Por muito pouco “I’M A Slave 4 U” não tomou um rumo completamente diferente. A faixa, carregada de sensualidade na voz de Britney Spears, quase virou uma balada romântica na interpretação de Janet Jackson, que recusou a faixa para a alegria dos marmanjos que puderam presenciar a inesquecível- e super sexy- apresentação de Britney no VMA de 2001.

"Don't Cha" – Sucesso do Pussycat Dolls foi recusado por Paris Hilton

Lançado em 2005, o single de estreia das Pussycat Dolls chegou a ser oferecido para as Sugababes e por pouco não virou uma investida bem sucedida de Paris Hilton na carreira musical.

"Let's Get Loud" – Sucesso de Jennifer Lopez recusado por Gloria Estefan

A música foi originalmente escrita por Gloria Estefan e Kike Santander para um disco da própria estrela latina. Porém, Gloria desistiu da canção, que se transformou em um dos maiores sucessos de Jennifer Lopez, em 1999. Certamente a música seria bem sucedida na voz de sua autora, mas ajudou a catapultar J-Lo para um outro nível da fama.