NOTÍCIAS

Marina Abramovic diz que nunca mais fará parcerias com Jay Z

por em 19/05/2015

A artista conceitual Marina Abramovic falou, recentemente, em entrevista à publicação Spike Art, sobre a parceria que fez, em 2013, com Jay Z. Na ocasião, ela ajudou o rapper a criar a própria versão da sua obra de 2010, o vídeo "Picasso Baby", de Artist Is Present.

No entanto, a aparente amigável colaboração não se deu como o previsto. "[Jay Z] adaptou o meu trabalho com uma única condição: que ele ajudasse o meu instituto [o Marina Abramovic Institute – MAI]", Marina disse à Spike, "e ele não ajudou".

"Ele me usou totalmente. E não era justo", continuou. Apesar de não dizer especificamente em que aspecto ela se arrependeu de trabalhar com Jay, ela disse que se sentiu "muito irritada".

"No final das contas, era uma transação de mão única", disse Abramovic. "Eu nunca farei de novo, isso eu posso garantir. Nunca. Eu era realmente ingênua nesse tipo de mundo. Era novidade para mim e eu não fazia ideia de que isso poderia acontecer. É tão cruel, impressionante. Eu ficarei longe disso com certeza."

Um conjunto de obras de Marina – precursora no happening, focada na arte conceitual –, com instalações, objetos, vídeos e registros documentais, esteve, do dia 10 de março a 10 de maio, exposta no SESC Pompeia.

 
  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
2
Amor Da Sua Cama
Felipe Araújo
3
Saudade
Eduardo Costa
4
Bengala E Crochê
Maiara & Maraisa
5
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Marina Abramovic diz que nunca mais fará parcerias com Jay Z

por em 19/05/2015

A artista conceitual Marina Abramovic falou, recentemente, em entrevista à publicação Spike Art, sobre a parceria que fez, em 2013, com Jay Z. Na ocasião, ela ajudou o rapper a criar a própria versão da sua obra de 2010, o vídeo "Picasso Baby", de Artist Is Present.

No entanto, a aparente amigável colaboração não se deu como o previsto. "[Jay Z] adaptou o meu trabalho com uma única condição: que ele ajudasse o meu instituto [o Marina Abramovic Institute – MAI]", Marina disse à Spike, "e ele não ajudou".

"Ele me usou totalmente. E não era justo", continuou. Apesar de não dizer especificamente em que aspecto ela se arrependeu de trabalhar com Jay, ela disse que se sentiu "muito irritada".

"No final das contas, era uma transação de mão única", disse Abramovic. "Eu nunca farei de novo, isso eu posso garantir. Nunca. Eu era realmente ingênua nesse tipo de mundo. Era novidade para mim e eu não fazia ideia de que isso poderia acontecer. É tão cruel, impressionante. Eu ficarei longe disso com certeza."

Um conjunto de obras de Marina – precursora no happening, focada na arte conceitual –, com instalações, objetos, vídeos e registros documentais, esteve, do dia 10 de março a 10 de maio, exposta no SESC Pompeia.