NOTÍCIAS

Morre o cantor Jerry Adriani

Ícone da Jovem Guarda, o paulistano estava em tratamento de um câncer

por Redação em 23/04/2017

O cantor Jerry Adriani faleceu na tarde deste domingo (23/04), aos 70 anos, no hospital Vitória, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro. Ele estava internado desde março, tratando um câncer descoberto após sofrer trombose em uma das pernas e realizar uma série de exames.

Após o falecimento, a família do cantor publicou uma mensagem na página oficial de Jerry nas redes sociais: "A família de Jerry Adriani tem o doloroso dever de comunicar aos seus amigos o seu falecimento. Agradecemos a todos pelo enorme carinho".

Ícone da Jovem Guarda, ele nasceu em São Paulo, em 29 de janeiro de 1947, no tradicional bairro do Brás. Começou a cantar em 1964, em italiano, quando lançou o disco Italianíssimo. No ano seguinte, passou a cantar em português e lançou Um Grande Amor.

Além de cantor, ele também apresentou programas de televisão como A Grande Parada, na TV Tupi, ao lado das atrizes Betty Faria e Marília Pêra, e Excelsior A Go Go, na extinta TV Excelsior. Se arriscou também no cinema e no teatro.

Adriani foi um dos responsáveis pelo sucesso de Raul Seixas, levando o cantor para o Rio de Janeiro após se conhecerem em Salvador. A banda Raulzito e Os Panteras tocou como apoio de Jerry por três anos e o cantor gravou algumas composições de Raul. É dele o grande sucesso “Doce, Doce Amor”.

Jerry viajou o mundo fazendo shows, passando por países como Venezuela, Estados Unidos, México e Canadá. 

O cantor será velado e enterrado no Cemitério do Caju, no Rio de Janeiro, nesta segunda-feira (24/04).

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Bengala E Crochê
Maiara & Maraisa
2
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
3
Saudade
Eduardo Costa
4
Amor Da Sua Cama
Felipe Araújo
5
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Morre o cantor Jerry Adriani

Ícone da Jovem Guarda, o paulistano estava em tratamento de um câncer

por Redação em 23/04/2017

O cantor Jerry Adriani faleceu na tarde deste domingo (23/04), aos 70 anos, no hospital Vitória, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro. Ele estava internado desde março, tratando um câncer descoberto após sofrer trombose em uma das pernas e realizar uma série de exames.

Após o falecimento, a família do cantor publicou uma mensagem na página oficial de Jerry nas redes sociais: "A família de Jerry Adriani tem o doloroso dever de comunicar aos seus amigos o seu falecimento. Agradecemos a todos pelo enorme carinho".

Ícone da Jovem Guarda, ele nasceu em São Paulo, em 29 de janeiro de 1947, no tradicional bairro do Brás. Começou a cantar em 1964, em italiano, quando lançou o disco Italianíssimo. No ano seguinte, passou a cantar em português e lançou Um Grande Amor.

Além de cantor, ele também apresentou programas de televisão como A Grande Parada, na TV Tupi, ao lado das atrizes Betty Faria e Marília Pêra, e Excelsior A Go Go, na extinta TV Excelsior. Se arriscou também no cinema e no teatro.

Adriani foi um dos responsáveis pelo sucesso de Raul Seixas, levando o cantor para o Rio de Janeiro após se conhecerem em Salvador. A banda Raulzito e Os Panteras tocou como apoio de Jerry por três anos e o cantor gravou algumas composições de Raul. É dele o grande sucesso “Doce, Doce Amor”.

Jerry viajou o mundo fazendo shows, passando por países como Venezuela, Estados Unidos, México e Canadá. 

O cantor será velado e enterrado no Cemitério do Caju, no Rio de Janeiro, nesta segunda-feira (24/04).