NOTÍCIAS

O ano nas paradas de R&B e hip hop: Beyoncé, Pharrell e Iggy apavoraram

por em 30/12/2014
Por
Amaya Mendizabal Enquanto nomes conhecidos do R&B e do hip hop inundaram as ondas do rádio e paradas musicais, 2014 recebeu uma variedade de novos nomes que lutaram para deixar a sua marca.Novos artistas como Jhene Aiko, Bobby Shmurda e YG conquistaram grandes hits, enquanto a nova artista Iggy Azalea quebrou o recorde de mais semanas como número 1 na parada Hot R&B/Hip-Hop Songs semanal. Um lançamento que ninguém esperava (oi, Beyoncé!) sagrou-se como primeiro lugar do ano em Top R&B/Hip-Hop Albums, enquanto o veterano da parada R&B John Legend teve seu maior sucesso de todos os tempos com "All Of Me". Vídeos virais de arregalar os olhos impulsionaram músicas como "Anaconda", de Nicki Minaj, em sua subida nos rankings, e todo mundo ficou "Happy" graças a Pharrell Williams. A parada do ano de 2014 começou com um estrondo, graças ao auto-intitulado álbum surpresa de Beyoncé, que foi lançado em 15 de dezembro de 2013. A diva fechou 2014 como a artista número 1 em R&B/Hip-Hop Artist, enquanto o álbum repetiu a posição na parada Top R&B/Hip-Hop Albums. Cinco canções de Beyoncé entraram na parada de fim de ano da Hot R&B/Hip-Hop Songs, sendo que sua música na posição mais elevada acabou em sétimo: "Drunk In Love," com a participação de Jay Z. Beyoncé também liderou a lista de R&B Streaming Artists com "Drunk In Love", conquistando a quinta posição na parada de R&B Streaming Songs. A nova artista top do ano na categoria R&B/Hip-Hop, Iggy Azalea, teve uma série de realizações em seu ano de surgimento. (Ela também terminou 2014 como artista número 4 na retorspectiva de final de ano Top R&B/Hip-Hop Artists.) Seu megahit "Fancy", com Charli XCX, tornou-se o número 1 de uma rapper mulher a ficar mais tempo na parada semanal R&B/Hip-Hop Songs, ocupando o topo da lista por impressionantes 13 semanas. Ela fecha o ano como número 1 nas retrospectivas de Hot Rap Songs e Rap Streaming Songs. O álbum de Iggy, The New Classic, também pegou o terceiro lugar no cômputo de final do ano de Rap Albums, superado apenas por The Marshall Mathers LP 2, de Eminem, e por Nothing Was The Same, de Drake. Eminem também chegou ao topo da parada Rap Digital Songs Artists, com seis das maiores faixas digitais do ano, lideradas por "Monster", com Rihanna, na terceira posição. Já Drake teve um ano frutífero nas rádios, conseguindo o 1º lugar em Rap Airplay Artists. O versátil MC emplacou 10 músicas na parada semanal Rap Airplay em 2014, incluindo "0 To 100/The Catch Up", que passou cinco semanas no topo da lista em outubro. A faixa terminou no 11º lugar na Rap Airplay Songs do ano, parada em que Drake detém um total de seis colocações na contagem final do ano. Nicki Minaj continuou seu reinado em R&B/Hip-Hop Songs em 2014, confirmando sua liderança como rapper mulher com mais títulos nas paradas (57 e contando). Cinco de suas criações chegaram ao resumo anual de fim do ano da Hot R&B/Hip-Hop, liderada por "Anaconda", que ficou com o nono lugar. As conquistas da música foram muito auxiliadas pelo clipe visualmente cativante, que acumulou 324 milhões de visualizações em todo o mundo no YouTube, fechando o ano como número 3 na lista de Rap Streaming Songs. John Legend dominou a parada de R&B Songs em 2014, com seu sucesso surpresa "All Of Me". A balada passou 12 semanas no topo da parada Hot R&B Songs, e três semanas como número 1 da Hot R&B/Hip-Hop Songs. O sucesso do single rendeu muito para o cantor e compositor, que teve sua estreia nas paradas da Billboard há muito tempo, em 03 de abril de 2004 (quando a sua participação em "Selfish" , do Slum Village, chegou à parada Bubbling Under Hot R&B/Hip-Hop)."All Of Me" terminou 2014 como a música número 2 em três paradas-chave de fim de ano: Hot R&B/Hip-Hop Songs, Hot R&B Songs e Adult R&B Songs (atrás apenas do "inescapável" Pharrell Williams, totalmente "Happy" nas três listas). Legend triunfou como artista top em Adult R&B Artist, em parte graças ao reinado de "All Of Me" no topo da parada Adult R&B Songs durante oito semanas ininterruptas (seu número 1 mais longo em todos os tempos). A super popular "Happy", de Pharrell, dominou as ondas do rádio e as paradas em 2014. Foi o maior hit tendo o cantor/rapper/compositor/produtor como artista principal, passando 12 semanas no número 1 no Hot R&B/Hip-Hop Songs. Ele havia visitado o top 4 quatro vezes anteriormente, embora só uma vez como artista principal (em 2003, com "Frontin'"). O cantor Jeremih empatou com "All Of Me", de Legend, na maioria das semanas de decisão na parada semanal Hot R&B Songs, com seu contagiante single "Do Not Tell 'Em", com participação de YG. Ambas as faixas ficaram 12 semanas no número 1. A música também se tornou um hit nas rádios, encabeçando a parada de fim de ano Rhythmic Songs. É a única música a ter atingido o top 10 no Billboard Hot 100 este ano (sexta posição) sem um videoclipe oficial, um feito raro. Ela termina fora do top 10 de final de ano da parada Hot R&B/Hip-Hop Songs por pouco, ocupando o 11º lugar.
  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
2
Amor Da Sua Cama
Felipe Araújo
3
Saudade
Eduardo Costa
4
Bengala E Crochê
Maiara & Maraisa
5
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

O ano nas paradas de R&B e hip hop: Beyoncé, Pharrell e Iggy apavoraram

por em 30/12/2014
Por
Amaya Mendizabal Enquanto nomes conhecidos do R&B e do hip hop inundaram as ondas do rádio e paradas musicais, 2014 recebeu uma variedade de novos nomes que lutaram para deixar a sua marca.Novos artistas como Jhene Aiko, Bobby Shmurda e YG conquistaram grandes hits, enquanto a nova artista Iggy Azalea quebrou o recorde de mais semanas como número 1 na parada Hot R&B/Hip-Hop Songs semanal. Um lançamento que ninguém esperava (oi, Beyoncé!) sagrou-se como primeiro lugar do ano em Top R&B/Hip-Hop Albums, enquanto o veterano da parada R&B John Legend teve seu maior sucesso de todos os tempos com "All Of Me". Vídeos virais de arregalar os olhos impulsionaram músicas como "Anaconda", de Nicki Minaj, em sua subida nos rankings, e todo mundo ficou "Happy" graças a Pharrell Williams. A parada do ano de 2014 começou com um estrondo, graças ao auto-intitulado álbum surpresa de Beyoncé, que foi lançado em 15 de dezembro de 2013. A diva fechou 2014 como a artista número 1 em R&B/Hip-Hop Artist, enquanto o álbum repetiu a posição na parada Top R&B/Hip-Hop Albums. Cinco canções de Beyoncé entraram na parada de fim de ano da Hot R&B/Hip-Hop Songs, sendo que sua música na posição mais elevada acabou em sétimo: "Drunk In Love," com a participação de Jay Z. Beyoncé também liderou a lista de R&B Streaming Artists com "Drunk In Love", conquistando a quinta posição na parada de R&B Streaming Songs. A nova artista top do ano na categoria R&B/Hip-Hop, Iggy Azalea, teve uma série de realizações em seu ano de surgimento. (Ela também terminou 2014 como artista número 4 na retorspectiva de final de ano Top R&B/Hip-Hop Artists.) Seu megahit "Fancy", com Charli XCX, tornou-se o número 1 de uma rapper mulher a ficar mais tempo na parada semanal R&B/Hip-Hop Songs, ocupando o topo da lista por impressionantes 13 semanas. Ela fecha o ano como número 1 nas retrospectivas de Hot Rap Songs e Rap Streaming Songs. O álbum de Iggy, The New Classic, também pegou o terceiro lugar no cômputo de final do ano de Rap Albums, superado apenas por The Marshall Mathers LP 2, de Eminem, e por Nothing Was The Same, de Drake. Eminem também chegou ao topo da parada Rap Digital Songs Artists, com seis das maiores faixas digitais do ano, lideradas por "Monster", com Rihanna, na terceira posição. Já Drake teve um ano frutífero nas rádios, conseguindo o 1º lugar em Rap Airplay Artists. O versátil MC emplacou 10 músicas na parada semanal Rap Airplay em 2014, incluindo "0 To 100/The Catch Up", que passou cinco semanas no topo da lista em outubro. A faixa terminou no 11º lugar na Rap Airplay Songs do ano, parada em que Drake detém um total de seis colocações na contagem final do ano. Nicki Minaj continuou seu reinado em R&B/Hip-Hop Songs em 2014, confirmando sua liderança como rapper mulher com mais títulos nas paradas (57 e contando). Cinco de suas criações chegaram ao resumo anual de fim do ano da Hot R&B/Hip-Hop, liderada por "Anaconda", que ficou com o nono lugar. As conquistas da música foram muito auxiliadas pelo clipe visualmente cativante, que acumulou 324 milhões de visualizações em todo o mundo no YouTube, fechando o ano como número 3 na lista de Rap Streaming Songs. John Legend dominou a parada de R&B Songs em 2014, com seu sucesso surpresa "All Of Me". A balada passou 12 semanas no topo da parada Hot R&B Songs, e três semanas como número 1 da Hot R&B/Hip-Hop Songs. O sucesso do single rendeu muito para o cantor e compositor, que teve sua estreia nas paradas da Billboard há muito tempo, em 03 de abril de 2004 (quando a sua participação em "Selfish" , do Slum Village, chegou à parada Bubbling Under Hot R&B/Hip-Hop)."All Of Me" terminou 2014 como a música número 2 em três paradas-chave de fim de ano: Hot R&B/Hip-Hop Songs, Hot R&B Songs e Adult R&B Songs (atrás apenas do "inescapável" Pharrell Williams, totalmente "Happy" nas três listas). Legend triunfou como artista top em Adult R&B Artist, em parte graças ao reinado de "All Of Me" no topo da parada Adult R&B Songs durante oito semanas ininterruptas (seu número 1 mais longo em todos os tempos). A super popular "Happy", de Pharrell, dominou as ondas do rádio e as paradas em 2014. Foi o maior hit tendo o cantor/rapper/compositor/produtor como artista principal, passando 12 semanas no número 1 no Hot R&B/Hip-Hop Songs. Ele havia visitado o top 4 quatro vezes anteriormente, embora só uma vez como artista principal (em 2003, com "Frontin'"). O cantor Jeremih empatou com "All Of Me", de Legend, na maioria das semanas de decisão na parada semanal Hot R&B Songs, com seu contagiante single "Do Not Tell 'Em", com participação de YG. Ambas as faixas ficaram 12 semanas no número 1. A música também se tornou um hit nas rádios, encabeçando a parada de fim de ano Rhythmic Songs. É a única música a ter atingido o top 10 no Billboard Hot 100 este ano (sexta posição) sem um videoclipe oficial, um feito raro. Ela termina fora do top 10 de final de ano da parada Hot R&B/Hip-Hop Songs por pouco, ocupando o 11º lugar.