NOTÍCIAS

Os clipes mais assustadores da história

Para comemorar a temida sexta-feira 13

por Redação em 13/01/2017

É quase um consenso imaginarmos que os clipes mais assustadores venham de artistas como Ozzy Osbourne, Marilyn Mason ou Rob Zombie, mas o lado sombrio dos vídeos não é um privilégio daqueles que já têm um tom musical aterrorizante. 

Estrelas do pop como Michael Jackson e Chris Brown também tiveram seus momentos mal assombrados em clipes que vão desde os esquisitos até os verdadeiramente assustadores.

Aproveitando a inspiração desta sexta-feira 13, a Billboard Brasil listou 8 dos clipes mais amedrontadores da história.

Antes de os vampiros virarem tendência em Hollywood, Chris Brown escalou uma sexy representante desta categoria de “monstro” para o vídeo de “Wall To Wall”, lançado em 2007.

Evanescence compara as armadilhas da fama com ser assombrado por fantasmas neste clipe de 2003. A maquiagem da cantora Amy Lee é aplicada por um bando de mulheres sinistras, enquanto a multidão se transforma em zumbis.

Todos sabem que Marilyn Manson tem um dom para conversar com o demônio. Mas quando ele vestiu um traje de bailarina (e se cortou, montou em um porco e convulsionou incontrolavelmente) no vídeo  “Sweet Dreams (Are Made Of This)”, ele realmente assustou as pessoas.

Os espectadores podem até ter dificuldades para entender o que se passa no vídeo de “If I Had A Heart”, mas ainda assim ficariam assustados. Ecoando o sentimento assombroso da canção, o vídeo serve como um filme interpretativo que mostra o assassinato em massa dos ricos de uma tribo primitiva.

Não dá pra dizer que o clipe de “Bark At The Moon” é exatamente chocante, principalmente quando se trata do “Príncipe das Trevas”, Ozzy Osbourne.  No vídeo ele interpreta um cientista louco, um homem morto e um lobisomem, mas talvez o que ele é na vida real pode ser muito mais assustador.

Quando um homem decide perseguir uma garotinha em um parquinho, não tem como não ficar apavorado. O vídeo conta com a direção do cineasta francês Tony 'Traud' Datis, que adiciona um ar aterrorizante à batida brutal de Skrillex.

Muitos vídeos têm assustado os espectadores ao longo dos anos, mas nenhum é tão terrível quanto este do Aphex Twin. Não temos certeza do que é mais ameaçador, mas tudo nesta obra monstruosa (dirigido pela Chris Cunningham) nos fez dormir com as luzes acesas durante anos.

A gama de emoções invocadas por “Thriller” é maior do que a de muitos filmes. Há comédia, incredulidade, e, claro, um bom susto.

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
2
Amor Da Sua Cama
Felipe Araújo
3
Saudade
Eduardo Costa
4
Bengala E Crochê
Maiara & Maraisa
5
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Os clipes mais assustadores da história

Para comemorar a temida sexta-feira 13

por Redação em 13/01/2017

É quase um consenso imaginarmos que os clipes mais assustadores venham de artistas como Ozzy Osbourne, Marilyn Mason ou Rob Zombie, mas o lado sombrio dos vídeos não é um privilégio daqueles que já têm um tom musical aterrorizante. 

Estrelas do pop como Michael Jackson e Chris Brown também tiveram seus momentos mal assombrados em clipes que vão desde os esquisitos até os verdadeiramente assustadores.

Aproveitando a inspiração desta sexta-feira 13, a Billboard Brasil listou 8 dos clipes mais amedrontadores da história.

Antes de os vampiros virarem tendência em Hollywood, Chris Brown escalou uma sexy representante desta categoria de “monstro” para o vídeo de “Wall To Wall”, lançado em 2007.

Evanescence compara as armadilhas da fama com ser assombrado por fantasmas neste clipe de 2003. A maquiagem da cantora Amy Lee é aplicada por um bando de mulheres sinistras, enquanto a multidão se transforma em zumbis.

Todos sabem que Marilyn Manson tem um dom para conversar com o demônio. Mas quando ele vestiu um traje de bailarina (e se cortou, montou em um porco e convulsionou incontrolavelmente) no vídeo  “Sweet Dreams (Are Made Of This)”, ele realmente assustou as pessoas.

Os espectadores podem até ter dificuldades para entender o que se passa no vídeo de “If I Had A Heart”, mas ainda assim ficariam assustados. Ecoando o sentimento assombroso da canção, o vídeo serve como um filme interpretativo que mostra o assassinato em massa dos ricos de uma tribo primitiva.

Não dá pra dizer que o clipe de “Bark At The Moon” é exatamente chocante, principalmente quando se trata do “Príncipe das Trevas”, Ozzy Osbourne.  No vídeo ele interpreta um cientista louco, um homem morto e um lobisomem, mas talvez o que ele é na vida real pode ser muito mais assustador.

Quando um homem decide perseguir uma garotinha em um parquinho, não tem como não ficar apavorado. O vídeo conta com a direção do cineasta francês Tony 'Traud' Datis, que adiciona um ar aterrorizante à batida brutal de Skrillex.

Muitos vídeos têm assustado os espectadores ao longo dos anos, mas nenhum é tão terrível quanto este do Aphex Twin. Não temos certeza do que é mais ameaçador, mas tudo nesta obra monstruosa (dirigido pela Chris Cunningham) nos fez dormir com as luzes acesas durante anos.

A gama de emoções invocadas por “Thriller” é maior do que a de muitos filmes. Há comédia, incredulidade, e, claro, um bom susto.