NOTÍCIAS

Oscar & Hot 100: as dez canções premiadas que fizeram bonito nas paradas

por em 22/02/2016
De S
tevie Wonder a Eminem, muitos artistas levaram o Oscar de Melhor Canção Original e, além disso, cativaram o público e tiveram êxito muito além das telonas. Há casos em que uma música que arrebatou o prêmio passou vááárias semanas reinando absoluta no Hot 100. Existe promoção maior para uma composição do que ser laureada numa cerimônia em que o mundo todo para para assistir? SAM SMITH, LADY GAGA E THE WEEKND CONCORREM AO OSCAR Como aquecimento para a disputa deste ano pela desejada estatueta (que ocorrerá em 28/02), separamos as dez premiadas com o Oscar que tiveram os melhores desempenhos no ranking de singles americano. São dez hits: todas as selecionadas chegaram ao topo da parada. Para desempatar, usamos o critério de tempo de permanência no Hot 100. (Clique nas imagens para assistir aos vídeos) 10. “Up Where We Belong”, de Joe Cocker & Jennifer Warnes O melhor desempenho de Joe Cocker (que morreu em dezembro de 2014) nas paradas americanas foi com essa parceria com Jennifer Warnes, composta para o filme A Força do Destino (1982). Além de levar o Oscar de Canção Original e o Grammy de Melhor Perfomance Pop de Duo ou Grupo, a faixa permaneceu no topo do Hot 100 por três semanas consecutivas. AN OFFICER AND A GENTLEMAN, Richard Gere, Debra Winger, 1982, (c) Paramount/courtesy Everett Collection   9. “The Way We Were”, de Barbra Streisand Além de ser protagonista, ao lado de Robert Redford, em Nosso Amor de Ontem (1973) – dirigido por Sydney Pollac – Barbra Streisand também deu voz à canção-tema do filme. A romântica “The Way We Were” (título do longa em inglês) passou três semanas não-consecutivas no topo do Hot 100 e já ganhou covers de nomes como Shirley Bassey, Donna Summer e até Beyoncé.  A canção ainda arrebatou o prêmio de Melhor Canção Original no Globo de Ouro. the way we were 8. “Arthur’s Theme (Best That You Can Do)”, de Christopher Cross A canção tema de Arthur, O Milionário Sedutor (1981), estrelado por Dudley Moore e Liza Minelli, é uma parceria entre Christopher Cross, Carole Bayer Sage e o laureado Burt Bacharach. Além de liderar o Hot 100 por três semanas consecutivas (e ficar no ranking durante 24), a faixa chegou ao top 10 de mais de dez países, incluindo um 1º lugar no Canadá. Anos depois, Cross reconheceu que o grande responsável pela composição foi Bacharach, ainda que o intérprete tenha sido ele. arthur1981.1     7. “Evergreen (Love Theme From A Star Is Born)”, de Barbra Streisand O carro-chefe da trilha sonora de Nasce uma Estrela (1976) foi um sucesso de público e crítica. Além de arrebatar a estatueta Melhor Canção Original no Oscar e ficar três semanas no topo do Hot 100, “Evergreen” ganhou os prêmios de Canção do Ano e Melhor Performance Vocal Pop Feminina no Grammy. Com o single, Barbra, também protagonista do musical, conseguiu seu segundo nº1 no Hot 100 em menos de três anos. A-Star-is-Born-BD     6. “I Just Called To Say I Love You”, de Stevie Wonder Há quem torça o nariz para a fase oitentista de Stevie Wonder, mas é inegável que um de seus principais hits surgiu no período. “I Just Called To Say I Love You”, inesquecível tema de A Dama de Vermelho (1984), passou três semanas consecutivas no 1º lugar do Hot 100 e ficou no topo das paradas de mais de vinte países. A canção também ecoou como nunca pela terra da rainha e se tornou o maior sucesso da gravadora Motown no Reino Unido, passando seis semanas na 1ª posição. Existe alguém que não conheça este refrão? dama de vermelho     5. “Say You, Say Me”, de Lionel Richie  Lionel Richie compôs esta balada para O Sol da Meia Noite, filme de 1985 estrelado pelo famoso dançarino russo Mikhail Baryshnikov. Por um desentendimento com a gravadora Motown, a faixa não apareceu no disco da trilha sonora, embora seja a grande música do longa. Além de arrebatar o prêmio de Melhor Canção Original no Oscar e no Globo de Ouro, “Say You, Say Me” passou quatro semanas consecutivas no topo do Hot 100. o sol da meia noite     4. “Raindrops Keep Fallin’ On My Head”, de B.J. Thomas A primeira vez que esse clássico apareceu na praça foi como o carro-chefe da trilha de Butch Cassidy (1969), filme estrelado por Paul Newman e Robert Redford. Composta por Hal David e Burt Bacharach, “Raindrops Keep Fallin’ On My Head” virou sucesso na voz de B.J. Thomas e foi usada posteriormente em incontáveis filmes e seriados.  Além de ganhar o Oscar de Canção Original, a faixa passou quatro semanas no topo do Hot 100, sendo desbancada por “I Want You Back”, do Jackson 5. butch cassidy     3. “Flashdance...What A Feeling”, de Irene Cara Quem não se lembra da cena da personagem Alex Owens, interpretada por Jennifer Beals, dançando ao som deste clássico dos anos 1980? Composta pelo redescoberto Giorgio Moroder, Keith Forsey e pela também interprete Irene Cara, “Flashdance... What A Feeling” é a principal faixa da trilha sonora de Flashdance (1983), filme dirigido por Adrian Lyne. A canção foi um hit e, além de levar o Oscar e o Globo de Ouro, chegou ao 1º lugar das paradas de mais de dez países, incluindo seis semanas consecutivas no topo do Hot 100.   Flashdance_114Pyxurz     2. "You Light Up My Life," de Debby Boone Assinada por Joe Brooks e originalmente gravada por Kasey Cisyk, “You Light Up My Life” virou hit na voz de Debby Boone como parte da trilha do filme Luz da Minha Vida (1977). Além de levar o Oscar e o Globo de Ouro de Melhor Canção Original, a faixa conquistou o desejado gramofone de Canção do Ano no Grammy. O sucesso também rendeu frutos para Debby, que acabou levando o prêmio de Artista Revelação na mesma cerimônia. Um dos principais hits dos anos 1970, o single permaneceu no topo do Hot 100 por nada menos do que 10 semanas consecutivas. luz da minha vida 1.    “Lose Yourself”, de Eminem Não tem para ninguém. A canção vencedora do Oscar mais bem sucedida nas paradas americanas é esse rap poderoso de Eminem. Com produção de Jeff Bass, parceiro de longa data do rapper de Detroit, o carro-chefe da trilha de 8 Mile – A Rua das Ilusões (2002) desbancou composições de nomes como U2 e Paul Simon. Na hora da entrega da estatueta, Barbra Streisand expressou sua surpresa com um gritinho ao anunciar que Eminem era o vencedor. O controverso MC não foi à cerimônia e Bass subiu para receber o prêmio. “Lose Yourself” chegou ao topo das paradas de mais de 20 países e passou 12 semanas no topo do Hot 100. 8-mile
  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
2
Amor Da Sua Cama
Felipe Araújo
3
Saudade
Eduardo Costa
4
Bengala E Crochê
Maiara & Maraisa
5
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Oscar & Hot 100: as dez canções premiadas que fizeram bonito nas paradas

por em 22/02/2016
De S
tevie Wonder a Eminem, muitos artistas levaram o Oscar de Melhor Canção Original e, além disso, cativaram o público e tiveram êxito muito além das telonas. Há casos em que uma música que arrebatou o prêmio passou vááárias semanas reinando absoluta no Hot 100. Existe promoção maior para uma composição do que ser laureada numa cerimônia em que o mundo todo para para assistir? SAM SMITH, LADY GAGA E THE WEEKND CONCORREM AO OSCAR Como aquecimento para a disputa deste ano pela desejada estatueta (que ocorrerá em 28/02), separamos as dez premiadas com o Oscar que tiveram os melhores desempenhos no ranking de singles americano. São dez hits: todas as selecionadas chegaram ao topo da parada. Para desempatar, usamos o critério de tempo de permanência no Hot 100. (Clique nas imagens para assistir aos vídeos) 10. “Up Where We Belong”, de Joe Cocker & Jennifer Warnes O melhor desempenho de Joe Cocker (que morreu em dezembro de 2014) nas paradas americanas foi com essa parceria com Jennifer Warnes, composta para o filme A Força do Destino (1982). Além de levar o Oscar de Canção Original e o Grammy de Melhor Perfomance Pop de Duo ou Grupo, a faixa permaneceu no topo do Hot 100 por três semanas consecutivas. AN OFFICER AND A GENTLEMAN, Richard Gere, Debra Winger, 1982, (c) Paramount/courtesy Everett Collection   9. “The Way We Were”, de Barbra Streisand Além de ser protagonista, ao lado de Robert Redford, em Nosso Amor de Ontem (1973) – dirigido por Sydney Pollac – Barbra Streisand também deu voz à canção-tema do filme. A romântica “The Way We Were” (título do longa em inglês) passou três semanas não-consecutivas no topo do Hot 100 e já ganhou covers de nomes como Shirley Bassey, Donna Summer e até Beyoncé.  A canção ainda arrebatou o prêmio de Melhor Canção Original no Globo de Ouro. the way we were 8. “Arthur’s Theme (Best That You Can Do)”, de Christopher Cross A canção tema de Arthur, O Milionário Sedutor (1981), estrelado por Dudley Moore e Liza Minelli, é uma parceria entre Christopher Cross, Carole Bayer Sage e o laureado Burt Bacharach. Além de liderar o Hot 100 por três semanas consecutivas (e ficar no ranking durante 24), a faixa chegou ao top 10 de mais de dez países, incluindo um 1º lugar no Canadá. Anos depois, Cross reconheceu que o grande responsável pela composição foi Bacharach, ainda que o intérprete tenha sido ele. arthur1981.1     7. “Evergreen (Love Theme From A Star Is Born)”, de Barbra Streisand O carro-chefe da trilha sonora de Nasce uma Estrela (1976) foi um sucesso de público e crítica. Além de arrebatar a estatueta Melhor Canção Original no Oscar e ficar três semanas no topo do Hot 100, “Evergreen” ganhou os prêmios de Canção do Ano e Melhor Performance Vocal Pop Feminina no Grammy. Com o single, Barbra, também protagonista do musical, conseguiu seu segundo nº1 no Hot 100 em menos de três anos. A-Star-is-Born-BD     6. “I Just Called To Say I Love You”, de Stevie Wonder Há quem torça o nariz para a fase oitentista de Stevie Wonder, mas é inegável que um de seus principais hits surgiu no período. “I Just Called To Say I Love You”, inesquecível tema de A Dama de Vermelho (1984), passou três semanas consecutivas no 1º lugar do Hot 100 e ficou no topo das paradas de mais de vinte países. A canção também ecoou como nunca pela terra da rainha e se tornou o maior sucesso da gravadora Motown no Reino Unido, passando seis semanas na 1ª posição. Existe alguém que não conheça este refrão? dama de vermelho     5. “Say You, Say Me”, de Lionel Richie  Lionel Richie compôs esta balada para O Sol da Meia Noite, filme de 1985 estrelado pelo famoso dançarino russo Mikhail Baryshnikov. Por um desentendimento com a gravadora Motown, a faixa não apareceu no disco da trilha sonora, embora seja a grande música do longa. Além de arrebatar o prêmio de Melhor Canção Original no Oscar e no Globo de Ouro, “Say You, Say Me” passou quatro semanas consecutivas no topo do Hot 100. o sol da meia noite     4. “Raindrops Keep Fallin’ On My Head”, de B.J. Thomas A primeira vez que esse clássico apareceu na praça foi como o carro-chefe da trilha de Butch Cassidy (1969), filme estrelado por Paul Newman e Robert Redford. Composta por Hal David e Burt Bacharach, “Raindrops Keep Fallin’ On My Head” virou sucesso na voz de B.J. Thomas e foi usada posteriormente em incontáveis filmes e seriados.  Além de ganhar o Oscar de Canção Original, a faixa passou quatro semanas no topo do Hot 100, sendo desbancada por “I Want You Back”, do Jackson 5. butch cassidy     3. “Flashdance...What A Feeling”, de Irene Cara Quem não se lembra da cena da personagem Alex Owens, interpretada por Jennifer Beals, dançando ao som deste clássico dos anos 1980? Composta pelo redescoberto Giorgio Moroder, Keith Forsey e pela também interprete Irene Cara, “Flashdance... What A Feeling” é a principal faixa da trilha sonora de Flashdance (1983), filme dirigido por Adrian Lyne. A canção foi um hit e, além de levar o Oscar e o Globo de Ouro, chegou ao 1º lugar das paradas de mais de dez países, incluindo seis semanas consecutivas no topo do Hot 100.   Flashdance_114Pyxurz     2. "You Light Up My Life," de Debby Boone Assinada por Joe Brooks e originalmente gravada por Kasey Cisyk, “You Light Up My Life” virou hit na voz de Debby Boone como parte da trilha do filme Luz da Minha Vida (1977). Além de levar o Oscar e o Globo de Ouro de Melhor Canção Original, a faixa conquistou o desejado gramofone de Canção do Ano no Grammy. O sucesso também rendeu frutos para Debby, que acabou levando o prêmio de Artista Revelação na mesma cerimônia. Um dos principais hits dos anos 1970, o single permaneceu no topo do Hot 100 por nada menos do que 10 semanas consecutivas. luz da minha vida 1.    “Lose Yourself”, de Eminem Não tem para ninguém. A canção vencedora do Oscar mais bem sucedida nas paradas americanas é esse rap poderoso de Eminem. Com produção de Jeff Bass, parceiro de longa data do rapper de Detroit, o carro-chefe da trilha de 8 Mile – A Rua das Ilusões (2002) desbancou composições de nomes como U2 e Paul Simon. Na hora da entrega da estatueta, Barbra Streisand expressou sua surpresa com um gritinho ao anunciar que Eminem era o vencedor. O controverso MC não foi à cerimônia e Bass subiu para receber o prêmio. “Lose Yourself” chegou ao topo das paradas de mais de 20 países e passou 12 semanas no topo do Hot 100. 8-mile