NOTÍCIAS

Ouça a prévia da trilha sonora da segunda temporada de Narcos

Seriado estreia na próxima sexta, dia 2

por Redação em 31/08/2016

A segunda temporada de Narcos, série do Netflix sobre o traficante Pablo Escobar estrelada pelo brasileiro Wagner Moura, chega ao serviço de streaming nesta sexta-feira (02/09). Mas, antes, já é possível conferir uma prévia do que está por vir na trilha sonora do seriado.

“Renegade”, de Styx, por exemplo, que faz parte do trailer da nova temporada, foi lançada em 1979, quando Pablo estava entrando para a vida do crime. Ela pode ser ouvida em estádios de futebol americano, animando jogos do Pitbull Steelers. Mais calma, “Tuyo”, faixa do brasileiro Rodrigo Amarante indicada ao Emmy, continua sendo a música de abertura da série. E, assim como na primeira temporada, os próximos episódios também serão embalados por antigas músicas colombianas.

“Mal posso esperar para impressionar as pessoas”, diz a supervisora musical Liza Richardson, que descreve a trilha sonora como “rica e profunda”. Em entrevista à Billboard, ela afirmou que os espectadores podem esperar muita cumbia e salsa. Para a segunda temporada, a equipe musical mergulhou fundo nos catálogos de gravadoras colombianas. Escute algumas das músicas presentes na trilha:

“Tiro Al Blanco”, Afrosound

O movimento de cumbia atual carrega o som criado pela Afrosound, banda dos anos 1970. Fruko (Julio Estrada) está por trás da criação desta big band tropical com guitarras psicodélicas e batidas africanas.

“Nadie Muere De Amor,” Combo de las Estrellas

Há uma assustadora ironia nesta faixa, que tem como tradução “Ninguém Morre De Amor”, no contexto da violência do tráfico de drogas retratado em Narcos. A história fica ainda mais triste quando conhecemos o destino de Jairo Paternina, o vocalista do grupo musical. Ele foi assassinado a tiros em Medellín, em 1989. 

“Cali Pachenguero,” Grupo Niche

Uma das principais bandas de salsa da Colômbia, o Grupo Niche fez sucesso com essa faixa em 1984.

“Melancolía,” Julio Jaramillo

Essa é uma das faixas mais lentas da seleção feita para Narcos, um bolero cantado por Julio Jaramillo. Natural do Equador, o músico era conhecido por toda a América Latina por suas músicas sedutoras.

“Mary,” Joe Arroyo

Qualquer playlist de uma festa colombiana tem que incluir alguma coisa do líder da salsa.

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
2
Saudade
Eduardo Costa
3
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
4
Bengala E Crochê
Maiara & Maraisa
5
Aquela Pessoa
Henrique & Juliano
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Ouça a prévia da trilha sonora da segunda temporada de Narcos

Seriado estreia na próxima sexta, dia 2

por Redação em 31/08/2016

A segunda temporada de Narcos, série do Netflix sobre o traficante Pablo Escobar estrelada pelo brasileiro Wagner Moura, chega ao serviço de streaming nesta sexta-feira (02/09). Mas, antes, já é possível conferir uma prévia do que está por vir na trilha sonora do seriado.

“Renegade”, de Styx, por exemplo, que faz parte do trailer da nova temporada, foi lançada em 1979, quando Pablo estava entrando para a vida do crime. Ela pode ser ouvida em estádios de futebol americano, animando jogos do Pitbull Steelers. Mais calma, “Tuyo”, faixa do brasileiro Rodrigo Amarante indicada ao Emmy, continua sendo a música de abertura da série. E, assim como na primeira temporada, os próximos episódios também serão embalados por antigas músicas colombianas.

“Mal posso esperar para impressionar as pessoas”, diz a supervisora musical Liza Richardson, que descreve a trilha sonora como “rica e profunda”. Em entrevista à Billboard, ela afirmou que os espectadores podem esperar muita cumbia e salsa. Para a segunda temporada, a equipe musical mergulhou fundo nos catálogos de gravadoras colombianas. Escute algumas das músicas presentes na trilha:

“Tiro Al Blanco”, Afrosound

O movimento de cumbia atual carrega o som criado pela Afrosound, banda dos anos 1970. Fruko (Julio Estrada) está por trás da criação desta big band tropical com guitarras psicodélicas e batidas africanas.

“Nadie Muere De Amor,” Combo de las Estrellas

Há uma assustadora ironia nesta faixa, que tem como tradução “Ninguém Morre De Amor”, no contexto da violência do tráfico de drogas retratado em Narcos. A história fica ainda mais triste quando conhecemos o destino de Jairo Paternina, o vocalista do grupo musical. Ele foi assassinado a tiros em Medellín, em 1989. 

“Cali Pachenguero,” Grupo Niche

Uma das principais bandas de salsa da Colômbia, o Grupo Niche fez sucesso com essa faixa em 1984.

“Melancolía,” Julio Jaramillo

Essa é uma das faixas mais lentas da seleção feita para Narcos, um bolero cantado por Julio Jaramillo. Natural do Equador, o músico era conhecido por toda a América Latina por suas músicas sedutoras.

“Mary,” Joe Arroyo

Qualquer playlist de uma festa colombiana tem que incluir alguma coisa do líder da salsa.