NOTÍCIAS

Ringo Starr diz que os Beatles teriam se reunido se John Lennon estivesse vivo

por em 11/06/2013
Imagem: Divulgação

Ringo Starr voltou a tocar na ferida da maioria dos beatlemaníacos comentando sobre qual poderia ter sido o futuro do quarteto caso John Lennon não tivesse sido assassinado em 1980. Em entrevista ao tabloide britânico The Mirror, o lendário baterista disse que o grupo provavelmente teria se reunido se todos os seus integrantes estivessem vivos.

“Gosto de pensar que sim, que nós iriamos nos reunir”, disse Ringo. “Paul ainda faz turnês com a sua banda, eu ainda excursiono com a minha, e John provavelmente estaria fazendo a mesma coisa, então...”, acrescentou.

Ringo disse ainda que George Harrison poderia ser o único empecilho para uma turnê de reunião, já que o guitarrista não gostava de fazer grandes shows. “Mas quem sabe? Talvez ele topasse”, brincou.  Harrison faleceu mais de 20 anos após a morte de Lennon, em 2001, vítima de um câncer no pulmão.

Atualmente, o baterista está promovendo seu novo e-book de fotografia, que traz material raro e inédito dos Beatles. Em outubro, Ringo passará pelo Brasil para shows em São Paulo (29) e Curitiba (31). 

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Bengala E Crochê
Maiara & Maraisa
2
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
3
Saudade
Eduardo Costa
4
Amor Da Sua Cama
Felipe Araújo
5
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Ringo Starr diz que os Beatles teriam se reunido se John Lennon estivesse vivo

por em 11/06/2013
Imagem: Divulgação

Ringo Starr voltou a tocar na ferida da maioria dos beatlemaníacos comentando sobre qual poderia ter sido o futuro do quarteto caso John Lennon não tivesse sido assassinado em 1980. Em entrevista ao tabloide britânico The Mirror, o lendário baterista disse que o grupo provavelmente teria se reunido se todos os seus integrantes estivessem vivos.

“Gosto de pensar que sim, que nós iriamos nos reunir”, disse Ringo. “Paul ainda faz turnês com a sua banda, eu ainda excursiono com a minha, e John provavelmente estaria fazendo a mesma coisa, então...”, acrescentou.

Ringo disse ainda que George Harrison poderia ser o único empecilho para uma turnê de reunião, já que o guitarrista não gostava de fazer grandes shows. “Mas quem sabe? Talvez ele topasse”, brincou.  Harrison faleceu mais de 20 anos após a morte de Lennon, em 2001, vítima de um câncer no pulmão.

Atualmente, o baterista está promovendo seu novo e-book de fotografia, que traz material raro e inédito dos Beatles. Em outubro, Ringo passará pelo Brasil para shows em São Paulo (29) e Curitiba (31).