NOTÍCIAS

Show com holograma do rapper Chief Keef é cancelado

por em 24/07/2015
O ra
pper Chief Keef estava planejando realizar um show via holograma de Los Angeles para ser exibido em um local secreto de Chicago. O concerto seria uma homenagem a um garoto de um ano de idade, morto por atropelamento. No entanto, a homenagem teve que ser cancelada, como adiantou o empresário Peedapan em entrevista a Billboard. “Se o show em holograma não acontecer agora, acontecerá em algum momento. E haverá vários deles, não apenas em Chicago, mas em lugares diferentes”, explicou. O cancelamento foi confirmado após a insistência do prefeito da cidade, Rahm Emanuel, em afirmar que o rapper “promove a violência”. O empresário de Keef diz que tanto o rapper quanto toda a equipe foram surpreendidos pela negativa, já que o concerto tinha o intuito de fazer uma boa ação na comunidade: preservar a memória do jovem Dillan Harris, atropelado e morto em Chicago por motoristas que fugiram da cena do crime. “Realmente as opiniões dessas pessoas me incomodaram. Como você pode dizer isso sobre um garoto de 19 anos com quem você nunca sentou e teve uma conversa?”, lamentou Peedapan.
  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
2
Amor Da Sua Cama
Felipe Araújo
3
Saudade
Eduardo Costa
4
Bengala E Crochê
Maiara & Maraisa
5
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Show com holograma do rapper Chief Keef é cancelado

por em 24/07/2015
O ra
pper Chief Keef estava planejando realizar um show via holograma de Los Angeles para ser exibido em um local secreto de Chicago. O concerto seria uma homenagem a um garoto de um ano de idade, morto por atropelamento. No entanto, a homenagem teve que ser cancelada, como adiantou o empresário Peedapan em entrevista a Billboard. “Se o show em holograma não acontecer agora, acontecerá em algum momento. E haverá vários deles, não apenas em Chicago, mas em lugares diferentes”, explicou. O cancelamento foi confirmado após a insistência do prefeito da cidade, Rahm Emanuel, em afirmar que o rapper “promove a violência”. O empresário de Keef diz que tanto o rapper quanto toda a equipe foram surpreendidos pela negativa, já que o concerto tinha o intuito de fazer uma boa ação na comunidade: preservar a memória do jovem Dillan Harris, atropelado e morto em Chicago por motoristas que fugiram da cena do crime. “Realmente as opiniões dessas pessoas me incomodaram. Como você pode dizer isso sobre um garoto de 19 anos com quem você nunca sentou e teve uma conversa?”, lamentou Peedapan.