NOTÍCIAS

Stevie Wonder defende Bruno Mars sobre apropriação cultural

Debate na internet questiona se descendência filipina e porto-riquenha do cantor serve como passe livre para cantar black music

por Redação em 19/03/2018

Cerca de uma semana atrás, a internet se envolveu em discussões sobre Bruno Mars ser ou não um apropriador cultural após um texto publicado no The Grapevine.

Alguns afirmaram que o artista ganhou o Grammy de Álbum do Ano nesta edição da premiação por ser um artista não-negro que canta, predominantemente, black music. Outros acreditam que, por sua descendência porto-riquenha e filipina, ele é miscigenado o suficiente para não ser visto como apropriador cultural.

O site de notícias TMZ falou com Stevie Wonder no sábado (17/03), quando ele deixava um restaurante em Beverly Hills, e perguntou sobre o assunto. “Deus criou a música para todos nós curtirmos. Não podemos nos limitar pelos medos e inseguranças dos outros. Ele é muito talentoso, então todo o resto não importa. Ele foi inspirado por grandes músicos, artistas e compositores. Então está tudo bem”, opinou.

 

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Apelido Carinhoso
Gusttavo Lima
2
Largado às Traças
Zé Neto & Cristiano
3
2050
Luan Santana
4
1, 2, 3
Cleber & Cauan
5
Transplante (part. Bruno & Marrone)
Marília Mendonça
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Stevie Wonder defende Bruno Mars sobre apropriação cultural

Debate na internet questiona se descendência filipina e porto-riquenha do cantor serve como passe livre para cantar black music

por Redação em 19/03/2018

Cerca de uma semana atrás, a internet se envolveu em discussões sobre Bruno Mars ser ou não um apropriador cultural após um texto publicado no The Grapevine.

Alguns afirmaram que o artista ganhou o Grammy de Álbum do Ano nesta edição da premiação por ser um artista não-negro que canta, predominantemente, black music. Outros acreditam que, por sua descendência porto-riquenha e filipina, ele é miscigenado o suficiente para não ser visto como apropriador cultural.

O site de notícias TMZ falou com Stevie Wonder no sábado (17/03), quando ele deixava um restaurante em Beverly Hills, e perguntou sobre o assunto. “Deus criou a música para todos nós curtirmos. Não podemos nos limitar pelos medos e inseguranças dos outros. Ele é muito talentoso, então todo o resto não importa. Ele foi inspirado por grandes músicos, artistas e compositores. Então está tudo bem”, opinou.