NOTÍCIAS

Taylor Swift registra nove marcas e cria mistério

Boatos circularam na internet sobre a possibilidade de a cantora lançar uma plataforma de streaming própria

por Redação em 15/03/2017

Num curto período de dois dias, 15 e 16 de fevereiro, uma empresa baseada em Nashville, Estados Unidos, chamada TAS Rights Management, registrou nove marcas separadas para a palavra “Swifties”, de acordo com os documentos disponíveis publicamente – incluindo um que cobre um “site com gravações de áudio e vídeo que não podem ser baixados”.

DISCOS E ARTISTAS PARA NÃO OUVIR NO STREAMING

Estaria Taylor Swift entrando no ramo de streaming? Não tão rápido. A história, reportada inicialmente pelo TMZ, de que Taylor estaria lançando seu próprio serviço de streaming para competir com o Spotify e a Apple Music é boa, principalmente por causa do passado da cantora, que bateu de frente o Spotify e tirou seu catálogo da plataforma. Mas uma fonte confirmou para a Billboard de que ela não lançará seu serviço de streaming e um olhar mais detalhado das marcas registradas revela um ângulo diferente e mais provável.

Uma marca em particular parece indicar a direção que Taylor seguirá com Swifties: software de computador para dispositivos móveis, que pode ser usado para fazer streaming e download de áudio, vídeo e gravações ao vivo, assim como performances. Outra marca protege vídeos de shows, entrevistas, gravações de áudio e imagem, artigos e blogs, assim como serviços de fã clube e a realização de competições.

A maioria das marcas registradas diz respeito a serviços de venda de merchandising, permitindo Taylor a ter marcas de instrumentos (guitarras, palhetas, baquetas), acessórios e joias (incluindo bolsas, capinhas de celular e óculos escuros), roupas masculinas e femininas e todo tipo de caderno e itens de papelaria com o nome Swifties.

Parece um app personalizado para fã clube, completo com merchandise exclusivo, áudios/vídeos e performances ao vivo e a possibilidade de um jogo de celular. Um representante da cantora negou entrevista sobre o assunto.

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
2
Amor Da Sua Cama
Felipe Araújo
3
Saudade
Eduardo Costa
4
Bengala E Crochê
Maiara & Maraisa
5
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Taylor Swift registra nove marcas e cria mistério

Boatos circularam na internet sobre a possibilidade de a cantora lançar uma plataforma de streaming própria

por Redação em 15/03/2017

Num curto período de dois dias, 15 e 16 de fevereiro, uma empresa baseada em Nashville, Estados Unidos, chamada TAS Rights Management, registrou nove marcas separadas para a palavra “Swifties”, de acordo com os documentos disponíveis publicamente – incluindo um que cobre um “site com gravações de áudio e vídeo que não podem ser baixados”.

DISCOS E ARTISTAS PARA NÃO OUVIR NO STREAMING

Estaria Taylor Swift entrando no ramo de streaming? Não tão rápido. A história, reportada inicialmente pelo TMZ, de que Taylor estaria lançando seu próprio serviço de streaming para competir com o Spotify e a Apple Music é boa, principalmente por causa do passado da cantora, que bateu de frente o Spotify e tirou seu catálogo da plataforma. Mas uma fonte confirmou para a Billboard de que ela não lançará seu serviço de streaming e um olhar mais detalhado das marcas registradas revela um ângulo diferente e mais provável.

Uma marca em particular parece indicar a direção que Taylor seguirá com Swifties: software de computador para dispositivos móveis, que pode ser usado para fazer streaming e download de áudio, vídeo e gravações ao vivo, assim como performances. Outra marca protege vídeos de shows, entrevistas, gravações de áudio e imagem, artigos e blogs, assim como serviços de fã clube e a realização de competições.

A maioria das marcas registradas diz respeito a serviços de venda de merchandising, permitindo Taylor a ter marcas de instrumentos (guitarras, palhetas, baquetas), acessórios e joias (incluindo bolsas, capinhas de celular e óculos escuros), roupas masculinas e femininas e todo tipo de caderno e itens de papelaria com o nome Swifties.

Parece um app personalizado para fã clube, completo com merchandise exclusivo, áudios/vídeos e performances ao vivo e a possibilidade de um jogo de celular. Um representante da cantora negou entrevista sobre o assunto.