NOTÍCIAS

Vaza setlist da apresentação do Destiny's Child no Super Bowl

por em 25/01/2013
Imagem: Divulgação

Com a confirmação da reunião das Destiny's Child no intervalo do Super Bowl, no próximo dia 3, foi dada a largada para as especulações sobre a seleção de músicas que serão apresentadas pelo trio. De acordo com a US Magazine, “Bills, Bills, Bills”, “Survivor” e a recém-lançada “Nuclear” foram as faixas escolhidas para a performance. 

Apesar de não revelar o setlist da apresentação solo da esposa de Jay-Z, a publicação americana ainda afirma que Beyoncé deve cumprir a promessa de lançar a primeira música inédita de seu próximo trabalho, além do hit "Crazy In Love". 

Separadas desde 2006, as Destiny's Child podem ainda quebrar o recorde estabelecido por Madonna, assistida por mais 116 milhões de espectadores durante o intervalo do Super Bowl, em 2012. Na ocasião, a venda dos álbuns da cantora subiram cerca de 212%. 

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Eu Vou Te Buscar (Cha La La La La) (part. Hungria Hip Hop)
Gusttavo LIma
2
De Quem É A Culpa?
Marília Mendonça
3
Amor Da Sua Cama
Felipe Araújo
4
Aquela Pessoa
Henrique & Juliano
5
Saudade
Eduardo Costa
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Vaza setlist da apresentação do Destiny's Child no Super Bowl

por em 25/01/2013
Imagem: Divulgação

Com a confirmação da reunião das Destiny's Child no intervalo do Super Bowl, no próximo dia 3, foi dada a largada para as especulações sobre a seleção de músicas que serão apresentadas pelo trio. De acordo com a US Magazine, “Bills, Bills, Bills”, “Survivor” e a recém-lançada “Nuclear” foram as faixas escolhidas para a performance. 

Apesar de não revelar o setlist da apresentação solo da esposa de Jay-Z, a publicação americana ainda afirma que Beyoncé deve cumprir a promessa de lançar a primeira música inédita de seu próximo trabalho, além do hit "Crazy In Love". 

Separadas desde 2006, as Destiny's Child podem ainda quebrar o recorde estabelecido por Madonna, assistida por mais 116 milhões de espectadores durante o intervalo do Super Bowl, em 2012. Na ocasião, a venda dos álbuns da cantora subiram cerca de 212%.