NOTÍCIAS

1989, de Taylor Swift, emplaca terceira semana no topo do Billboard 200

por em 20/11/2014
Tayl
or Swift, definitivamente, é um dos nomes do ano no mundo da música. Seu novo álbum, 1989, emplacou a terceira semana consecutiva no topo do Billboard 200. É apenas a segunda que vez que um disco fica por tanto tempo no 1º lugar do ranking em 2014. A trilha sonora de Frozen, que passou 13 semanas não-consecutivas no topo, também teve os mesmos números. 1989 vendeu 312 mil cópias em sua terceira semana, de acordo com a Nielsen SoundScan. É a primeira vez que um álbum vende mais de 300 mil na terceira semana desde o homônimo de Beyoncé em dezembro de 2013 (310 mil). Agora, o novo trabalho de Taylor chegou a marca de 2 milhões de cópias, ficando apenas atrás de Frozen (3,25 milhões) entre os discos mais vendidos de 2014. Taylor Swift faz história no Hot 100 Ao que tudo indica, a (ex) princesinha do country deve ser destronada na próxima semana com o lançamento do novo álbum do One Direction. As estimativas são de que o disco venda mais de 420 mil cópias na primeira semana. Sonic Highways, novo disco do Foo Fighters, estreou na 2ª posição, com 190 mil cópias vendidas na primeira semana. Atrás de Dave Grohl e companhia está o novo Pink Floyd, The Endless River, comercializado 170 mil vezes. Confira o Top 10 completo: 1.    1989, de Taylor Swift 2.    Sonic Highways,  do Foo FIghters 3.    The Endless River, do Pink Floyd 4.    Man Agains Machinei, de Garth Brooks 5.    Cadillactica, de Big K.R.I.T. 6.    Nick Jonas, de Nick Jonas 7.    NOW 52 – coletânea de vários artistas 8.    That’s Christmas To Me, de Pentatonix 9.    In The Lonely Hour, de Sam Smith 10.  The Cowboy Rides Away: Live From AT&T Stadium, de George Strait Foi noticiado pela Billboard americana que o Billboard 200 terá novos dados em seu cálculo em breve. A partir do dia 3 de dezembro, também serão consideradas as vendas digitais de faixas e álbuns ouvidos em plataformas de streaming.
  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Ausência
Marília Mendonça
2
Beijo de Varanda
Bruno & Marrone
3
Buá Buá
Naiara Azevedo
4
Olha Ela Aí
Eduardo Costa
5
Ainda Sou Tão Seu
Felipe Araújo
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

1989, de Taylor Swift, emplaca terceira semana no topo do Billboard 200

por em 20/11/2014
Tayl
or Swift, definitivamente, é um dos nomes do ano no mundo da música. Seu novo álbum, 1989, emplacou a terceira semana consecutiva no topo do Billboard 200. É apenas a segunda que vez que um disco fica por tanto tempo no 1º lugar do ranking em 2014. A trilha sonora de Frozen, que passou 13 semanas não-consecutivas no topo, também teve os mesmos números. 1989 vendeu 312 mil cópias em sua terceira semana, de acordo com a Nielsen SoundScan. É a primeira vez que um álbum vende mais de 300 mil na terceira semana desde o homônimo de Beyoncé em dezembro de 2013 (310 mil). Agora, o novo trabalho de Taylor chegou a marca de 2 milhões de cópias, ficando apenas atrás de Frozen (3,25 milhões) entre os discos mais vendidos de 2014. Taylor Swift faz história no Hot 100 Ao que tudo indica, a (ex) princesinha do country deve ser destronada na próxima semana com o lançamento do novo álbum do One Direction. As estimativas são de que o disco venda mais de 420 mil cópias na primeira semana. Sonic Highways, novo disco do Foo Fighters, estreou na 2ª posição, com 190 mil cópias vendidas na primeira semana. Atrás de Dave Grohl e companhia está o novo Pink Floyd, The Endless River, comercializado 170 mil vezes. Confira o Top 10 completo: 1.    1989, de Taylor Swift 2.    Sonic Highways,  do Foo FIghters 3.    The Endless River, do Pink Floyd 4.    Man Agains Machinei, de Garth Brooks 5.    Cadillactica, de Big K.R.I.T. 6.    Nick Jonas, de Nick Jonas 7.    NOW 52 – coletânea de vários artistas 8.    That’s Christmas To Me, de Pentatonix 9.    In The Lonely Hour, de Sam Smith 10.  The Cowboy Rides Away: Live From AT&T Stadium, de George Strait Foi noticiado pela Billboard americana que o Billboard 200 terá novos dados em seu cálculo em breve. A partir do dia 3 de dezembro, também serão consideradas as vendas digitais de faixas e álbuns ouvidos em plataformas de streaming.