NOTÍCIAS

24 clipes com atrizes famosas

Conheça algumas estrelas que brilharam em vídeos nacionais e internacionais

por Redação em 13/12/2017

De vez em quando, ao assistir clipes, nos deparamos com atrizes conhecidas de outras telas: do cinema e da televisão. São inúmeras as famosas que participaram de vídeos para artistas da música, seja antes do estrelato ou depois.

Reunimos alguns exemplos, nacionais e internacionais:

Elle Bamber – “There’s Nothing Holdin’ Me Back”, Shawn Mendes: A inglesa, que participou de filmes como Animais Noturnos e Orgulho e Preconceito e Zumbis, estrela o clipe do queridinho Shawn Mendes. A ruiva vive o par romântico do cantor, acompanhando-o nos bastidores dos shows e em momentos de lazer, como em passeios por cidades europeias. Direção de Jay Martin.

Saoirse Ronan – “Galway Girl”, Ed Sheeran: A atriz, conhecida por seus papeis nos filmes Brooklyn, Um Olhar Do Paraíso e A Hospedeira, é a musa do clipe gravado pelo próprio cantor, em primeira pessoa, com o casal se divertindo pela cidade de Galway, pulando de bar em bar. Direção de Jason Koenig.

Michelle Rodriguez – “Confident”, Demi Lovato: A cantora vive uma presa que recebe a chance de perdão da polícia se ajudar na captura da personagem de Michelle Rodriguez. O clipe conta com muitas cenas de luta, inclusive entre as duas, com roteiro digno de filme de ação. Direção de Robert Rodriguez.

Minka Kelly – “One More Night”, Maroon 5: Com papeis em series como Friday Night Lights e Jane The Virgin e participações em filmes como Colega de Quarto, Esposa de Mentirinha e O Mordomo da Casa Branca, a atriz é a musa deste clipe da banda americana, em que Adam Levine vive um boxeador ausente em casa. Direção de Peter Berg.

Isis Valverde – “Essa Mina É Louca”, Anitta: Em uma participação inesperada, a atriz aparece no final do clipe, com o figurino de “Bang”, como amante do par romântico da cantora, o cantor Jhama, mas uma reviravolta muda toda a história do clipe. Direção de Bruno Ilogti.

Agatha Moreira – “Linda, Louca e Mimada”, Oriente: A atriz, conhecida pelos papeis nas novelas Verdades Secretas e Novo Mundo, vive a personagem descrita na letra da música, que fala sobre uma mulher que chama a atenção por onde passa, inesquecível e insubstituível. Direção de Clarissa Lopes.

Bruna Marquezine – “Amei Te Ver”, Tiago Iorc: Na época do lançamento, a participação da atriz causou polêmica porque o grande público desconhecia sobre o término do namoro entre o cantor e a atriz Isabelle Drummond. No vídeo, Bruna e Tiago estão envolvidos em um abraço, com as partes de cima dos corpos desnudas, enquanto a câmera passeia em volta deles. A direção é de Rafael Kent e Tiago Iorc.

Giovanna Lancelotti – “Te Esperando”, Luan Santana: A atriz (Insensato Coração, Gabriela, Alto Astral, A Regra do Jogo, Sol Nascente) vive uma personagem gente como a gente, que sai de casa cedo, pega ônibus, estuda e trabalha e passa por uns perrengues na vida. Luan vive uma espécie de anjo da guarda, que já acompanha a sua personagem desde que era bebê. Meio creepy. A direção é de Alex Batista.

Mariana Rios – “Onde Estiver”, NX Zero: Sabe aquela má ideia de tatuar o nome do parceiro depois de algum tempo de namoro para eternizar o amor? Nem sempre o relacionamento dá certo, né? Tem artista que faz isso em clipe e Di Ferreiro é um bom exemplo. Quando estava noivo da atriz Mariana Rios (Salve Jorge, Além do Horizonte), ela estrelou o vídeo da banda NX Zero, que mostra basicamente os dois vivendo um relacionamento de altos e baixos, para uma letra que fala de fim de relacionamento. Premonitório.

Scarlett Johansson – “What Goes Around… Comes Around”, Justin Timberlake: A exuberante atriz vive uma personagem que é alvo do desejo do cantor neste clipe. Eles acabam se envolvendo em um relacionamento turbulento, que chega ao fim após a traição da parte da atriz com o melhor amigo do cantor e o clipe acaba em tragédia. A direção é de Samuel Bayer.

Mariana Ximenes – “Anna Júlia”, Los Hermanos: O hit mais conhecido da banda (e também mais desprezado e odiado pelos integrantes) levou o Los Hermanos ao sucesso em todo o país. A atriz Mariana Ximenes vive a protagonista, inspiração da canção em um clipe passado nos anos 1950, com figurinos e carros da época, bem simples.

Melissa Joan Hart – “(You Drive Me) Crazy”, Britney Spears: A atriz bombava nas séries adolescentes, como Clarissa e Sabrina, A Aprendiz De Feiticeira, nos anos 1990, quando Britney despontou no pop. Melissa participou do clipe e a cantora fez uma ponta na série, vivendo ela mesma. Dirigido por Nigel Dick.

Angelina Jolie – “Anybody Seen My Baby”, The Rolling Stones: Primeiro single do disco Bridges To Babylon, ganhou a participação da atriz no clipe. Ela vive uma dançarina erótica em um clube decadente e estranho, frequentado pelos integrantes da banda. O grande destaque são as cenas dela andando pelas ruas de Nova York, com a cabeça raspada e pouca roupa, se libertando. Dirigido por Samuel Bayer.

Kristen Stewart – “Ride ‘Em On Down”, The Rolling Stones: Mais um clipe da banda britânica estrelado por uma atriz famosa em Hollywood, dessa vez do seu álbum mais recente, Blue & Lonesome. O vídeo parece ter saído de uma cena de filme ou comercial, com a atriz interagindo com a música enquanto dirige perigosamente pelas ruas vazias de Los Angeles. Dirigido por François Rousselet.

Alicia Silverstone e Liv Tyler – “Crazy”, Aerosmith: Queridinha nos anos 1990, Alicia também participou do clipe de “Cryin’”. Dessa vez, ela vive uma garota rebelde que foge da escola com a amiga, vivida por Liv Tyler (filha de Steven Tyler) para dirigir pela cidade e aproveitar a sensação de liberdade, usando a beleza como forma de conseguir o que querem. Imagens da banda se apresentando ao vivo também são usadas no vídeo. Dirigido por Marty Callner.

Zooey Deschanel – “She’s Got Issues”, The Offspring: Muito antes de ser conhecida por ser uma atriz fofa, que canta músicas fofas e estrela filmes fofos e divertidos, Zooey Deschanel, de cabelos vermelho fogo, estrelou este clipe cheio de animações do Offspring. Praticamente irreconhecível em uma de suas primeiras atuações. Dirigido por Jonathan Dayton e Valerie Faris.

Mila Kunis – “Jaded”, Aerosmith: A atriz é a protagonista do clipe, vivendo uma personagem desanimada e entediada, que não consegue sentir nada, mesmo sendo paparicada e mimada. Num ambiente com pitadas de circense, o clipe se passa em um grande palácio de uma peça de teatro em que a personagem de Mila está presa, sem conhecer o mundo além daquilo. Dirigido por Francis Lawrence.

Jennifer Love Hewitt – “Hero”, Enrique Iglesias: Em uma época em que Enrique Iglesias cantava músicas mais românticas do que dançantes, a atriz viveu seu par romântico em um clipe dramático sobre um relacionamento que não é aprovado pelo pai da moça, que faz parte do que parece ser uma máfia. Direção de Joseph Kahn.

Megan Fox – “Love The Way You Lie”, Eminem feat. Rihanna: O clipe retrata o relacionamento violento e abusivo que é cantado na música. Direção de Joseph Kahn.

Courteney Cox – “Dancing In The Dark”, Bruce Springsteen: O clipe é muito simples, com imagens do cantor interpretando a música durante um show. Na última parte do vídeo, a atriz aparece ao lado de outras duas mulheres e, após algumas trocas de olhares com Springsteen, é chamada para subir ao palco e dançar com ele. Muito antes do sucesso de Friends, ela era uma modelo e aspirante a atriz e chamou atenção após participar do vídeo, conseguindo alguns papeis. Direção de Brian De Palma.

Natalie Portman – “Dance Tonight”, Paul McCartney: A atriz vive um dos espíritos circenses liberados pelo toque do instrumento que o cantor recebe por engano em sua casa por um carteiro folgado. Direção de Michel Gondry.

Evan Rachel Woods – “Wake Me Up When September Ends”, Green Day: O clipe, que na verdade é um curta de sete minutos, conta a história de um jovem casal apaixonado que precisa se separar porque o garoto se alista no exército. Dirigido por Samuel Bayer.

Paloma Duarte, Paula Burlamaqui, Ingra Liberato e mais - “Garota Nacional”, Skank: No Brasil dos anos 1990, era normal pagar peitinho em clipe e ter mulheres seminuas. Enquanto os integrantes da banda usam até casacos na gravação, as atrizes usam pouca roupa e rebolam, trabalhadas na sedução. A instrução do diretor Andrew Waddington era de que elas fizessem o que quisessem em frente às câmeras, desde que fosse sensual. Camila Pitanga pulou fora do projeto.

Millie Bobby Brown – “Find Me”, Sigma feat. Birdy: Depois de sofrer um tanto na primeira temporada de Stranger Things, a atriz que vive a personagem Eleven sofre mais um pouquinho no dramático clipe da dupla de música eletrônica Sigma. Ela dubla os vocais de Birdy enquanto percorre a cidade do clipe. Dirigido por Christopher Sims.

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Ausência
Marília Mendonça
2
Beijo de Varanda
Bruno & Marrone
3
Buá Buá
Naiara Azevedo
4
Olha Ela Aí
Eduardo Costa
5
Cada Um Na Sua
Fernando & Sorocaba
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

24 clipes com atrizes famosas

Conheça algumas estrelas que brilharam em vídeos nacionais e internacionais

por Redação em 13/12/2017

De vez em quando, ao assistir clipes, nos deparamos com atrizes conhecidas de outras telas: do cinema e da televisão. São inúmeras as famosas que participaram de vídeos para artistas da música, seja antes do estrelato ou depois.

Reunimos alguns exemplos, nacionais e internacionais:

Elle Bamber – “There’s Nothing Holdin’ Me Back”, Shawn Mendes: A inglesa, que participou de filmes como Animais Noturnos e Orgulho e Preconceito e Zumbis, estrela o clipe do queridinho Shawn Mendes. A ruiva vive o par romântico do cantor, acompanhando-o nos bastidores dos shows e em momentos de lazer, como em passeios por cidades europeias. Direção de Jay Martin.

Saoirse Ronan – “Galway Girl”, Ed Sheeran: A atriz, conhecida por seus papeis nos filmes Brooklyn, Um Olhar Do Paraíso e A Hospedeira, é a musa do clipe gravado pelo próprio cantor, em primeira pessoa, com o casal se divertindo pela cidade de Galway, pulando de bar em bar. Direção de Jason Koenig.

Michelle Rodriguez – “Confident”, Demi Lovato: A cantora vive uma presa que recebe a chance de perdão da polícia se ajudar na captura da personagem de Michelle Rodriguez. O clipe conta com muitas cenas de luta, inclusive entre as duas, com roteiro digno de filme de ação. Direção de Robert Rodriguez.

Minka Kelly – “One More Night”, Maroon 5: Com papeis em series como Friday Night Lights e Jane The Virgin e participações em filmes como Colega de Quarto, Esposa de Mentirinha e O Mordomo da Casa Branca, a atriz é a musa deste clipe da banda americana, em que Adam Levine vive um boxeador ausente em casa. Direção de Peter Berg.

Isis Valverde – “Essa Mina É Louca”, Anitta: Em uma participação inesperada, a atriz aparece no final do clipe, com o figurino de “Bang”, como amante do par romântico da cantora, o cantor Jhama, mas uma reviravolta muda toda a história do clipe. Direção de Bruno Ilogti.

Agatha Moreira – “Linda, Louca e Mimada”, Oriente: A atriz, conhecida pelos papeis nas novelas Verdades Secretas e Novo Mundo, vive a personagem descrita na letra da música, que fala sobre uma mulher que chama a atenção por onde passa, inesquecível e insubstituível. Direção de Clarissa Lopes.

Bruna Marquezine – “Amei Te Ver”, Tiago Iorc: Na época do lançamento, a participação da atriz causou polêmica porque o grande público desconhecia sobre o término do namoro entre o cantor e a atriz Isabelle Drummond. No vídeo, Bruna e Tiago estão envolvidos em um abraço, com as partes de cima dos corpos desnudas, enquanto a câmera passeia em volta deles. A direção é de Rafael Kent e Tiago Iorc.

Giovanna Lancelotti – “Te Esperando”, Luan Santana: A atriz (Insensato Coração, Gabriela, Alto Astral, A Regra do Jogo, Sol Nascente) vive uma personagem gente como a gente, que sai de casa cedo, pega ônibus, estuda e trabalha e passa por uns perrengues na vida. Luan vive uma espécie de anjo da guarda, que já acompanha a sua personagem desde que era bebê. Meio creepy. A direção é de Alex Batista.

Mariana Rios – “Onde Estiver”, NX Zero: Sabe aquela má ideia de tatuar o nome do parceiro depois de algum tempo de namoro para eternizar o amor? Nem sempre o relacionamento dá certo, né? Tem artista que faz isso em clipe e Di Ferreiro é um bom exemplo. Quando estava noivo da atriz Mariana Rios (Salve Jorge, Além do Horizonte), ela estrelou o vídeo da banda NX Zero, que mostra basicamente os dois vivendo um relacionamento de altos e baixos, para uma letra que fala de fim de relacionamento. Premonitório.

Scarlett Johansson – “What Goes Around… Comes Around”, Justin Timberlake: A exuberante atriz vive uma personagem que é alvo do desejo do cantor neste clipe. Eles acabam se envolvendo em um relacionamento turbulento, que chega ao fim após a traição da parte da atriz com o melhor amigo do cantor e o clipe acaba em tragédia. A direção é de Samuel Bayer.

Mariana Ximenes – “Anna Júlia”, Los Hermanos: O hit mais conhecido da banda (e também mais desprezado e odiado pelos integrantes) levou o Los Hermanos ao sucesso em todo o país. A atriz Mariana Ximenes vive a protagonista, inspiração da canção em um clipe passado nos anos 1950, com figurinos e carros da época, bem simples.

Melissa Joan Hart – “(You Drive Me) Crazy”, Britney Spears: A atriz bombava nas séries adolescentes, como Clarissa e Sabrina, A Aprendiz De Feiticeira, nos anos 1990, quando Britney despontou no pop. Melissa participou do clipe e a cantora fez uma ponta na série, vivendo ela mesma. Dirigido por Nigel Dick.

Angelina Jolie – “Anybody Seen My Baby”, The Rolling Stones: Primeiro single do disco Bridges To Babylon, ganhou a participação da atriz no clipe. Ela vive uma dançarina erótica em um clube decadente e estranho, frequentado pelos integrantes da banda. O grande destaque são as cenas dela andando pelas ruas de Nova York, com a cabeça raspada e pouca roupa, se libertando. Dirigido por Samuel Bayer.

Kristen Stewart – “Ride ‘Em On Down”, The Rolling Stones: Mais um clipe da banda britânica estrelado por uma atriz famosa em Hollywood, dessa vez do seu álbum mais recente, Blue & Lonesome. O vídeo parece ter saído de uma cena de filme ou comercial, com a atriz interagindo com a música enquanto dirige perigosamente pelas ruas vazias de Los Angeles. Dirigido por François Rousselet.

Alicia Silverstone e Liv Tyler – “Crazy”, Aerosmith: Queridinha nos anos 1990, Alicia também participou do clipe de “Cryin’”. Dessa vez, ela vive uma garota rebelde que foge da escola com a amiga, vivida por Liv Tyler (filha de Steven Tyler) para dirigir pela cidade e aproveitar a sensação de liberdade, usando a beleza como forma de conseguir o que querem. Imagens da banda se apresentando ao vivo também são usadas no vídeo. Dirigido por Marty Callner.

Zooey Deschanel – “She’s Got Issues”, The Offspring: Muito antes de ser conhecida por ser uma atriz fofa, que canta músicas fofas e estrela filmes fofos e divertidos, Zooey Deschanel, de cabelos vermelho fogo, estrelou este clipe cheio de animações do Offspring. Praticamente irreconhecível em uma de suas primeiras atuações. Dirigido por Jonathan Dayton e Valerie Faris.

Mila Kunis – “Jaded”, Aerosmith: A atriz é a protagonista do clipe, vivendo uma personagem desanimada e entediada, que não consegue sentir nada, mesmo sendo paparicada e mimada. Num ambiente com pitadas de circense, o clipe se passa em um grande palácio de uma peça de teatro em que a personagem de Mila está presa, sem conhecer o mundo além daquilo. Dirigido por Francis Lawrence.

Jennifer Love Hewitt – “Hero”, Enrique Iglesias: Em uma época em que Enrique Iglesias cantava músicas mais românticas do que dançantes, a atriz viveu seu par romântico em um clipe dramático sobre um relacionamento que não é aprovado pelo pai da moça, que faz parte do que parece ser uma máfia. Direção de Joseph Kahn.

Megan Fox – “Love The Way You Lie”, Eminem feat. Rihanna: O clipe retrata o relacionamento violento e abusivo que é cantado na música. Direção de Joseph Kahn.

Courteney Cox – “Dancing In The Dark”, Bruce Springsteen: O clipe é muito simples, com imagens do cantor interpretando a música durante um show. Na última parte do vídeo, a atriz aparece ao lado de outras duas mulheres e, após algumas trocas de olhares com Springsteen, é chamada para subir ao palco e dançar com ele. Muito antes do sucesso de Friends, ela era uma modelo e aspirante a atriz e chamou atenção após participar do vídeo, conseguindo alguns papeis. Direção de Brian De Palma.

Natalie Portman – “Dance Tonight”, Paul McCartney: A atriz vive um dos espíritos circenses liberados pelo toque do instrumento que o cantor recebe por engano em sua casa por um carteiro folgado. Direção de Michel Gondry.

Evan Rachel Woods – “Wake Me Up When September Ends”, Green Day: O clipe, que na verdade é um curta de sete minutos, conta a história de um jovem casal apaixonado que precisa se separar porque o garoto se alista no exército. Dirigido por Samuel Bayer.

Paloma Duarte, Paula Burlamaqui, Ingra Liberato e mais - “Garota Nacional”, Skank: No Brasil dos anos 1990, era normal pagar peitinho em clipe e ter mulheres seminuas. Enquanto os integrantes da banda usam até casacos na gravação, as atrizes usam pouca roupa e rebolam, trabalhadas na sedução. A instrução do diretor Andrew Waddington era de que elas fizessem o que quisessem em frente às câmeras, desde que fosse sensual. Camila Pitanga pulou fora do projeto.

Millie Bobby Brown – “Find Me”, Sigma feat. Birdy: Depois de sofrer um tanto na primeira temporada de Stranger Things, a atriz que vive a personagem Eleven sofre mais um pouquinho no dramático clipe da dupla de música eletrônica Sigma. Ela dubla os vocais de Birdy enquanto percorre a cidade do clipe. Dirigido por Christopher Sims.