NOTÍCIAS

Demi Lovato teria se recusado a dizer o que causou overdose

Cantora não será investigada pela polícia, uma vez que drogas não foram encontradas em sua residência

por Redação em 25/07/2018

A cantora Demi Lovato não está sendo investigada pela polícia de Los Angeles após suposta overdose sofrida em sua casa nesta terça-feira (24/07). As informações são da revista People.

Um porta-voz do Departamento de Polícia de Los Angeles disse que a cantora não será investigada uma vez que, supostamente, drogas não foram encontradas em sua residência e Demi se recusou a dizer aos policiais o que tinha usado.

De acordo com o The Blast, a cantora de 25 anos não quis informar aos socorristas e policiais qual droga causou a overdose. O site afirma ainda que os policiais coletaram um “item de evidência” relacionado a uma droga ilegal, mas que não costuma ser associado à heroína, primeira causa noticiada.

Segundo o E! News, a mãe de Demi, Dianna De La Garza, e a irmã mais nova da cantora, Madison, foram vistas no hospital na tarde de ontem.

O áudio da ligação de emergência obtido pelo TMZ revelou que Demi estava inconsciente e que o medicamento Narcan – substância de emergência que costuma ser usada para reverter os efeitos de overdose de opioides - foi utilizado pelos amigos da cantora para reavivá-la. Inicialmente, o TMZ reportou que se tratava de uma overdose de heroína, mas fontes próximas à cantora negam a informação. 

 

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Zé da Recaída
Gusttavo Lima
2
Só Pra Castigar
Wesley Safadão
3
Notificação Preferida
Zé Neto & Cristiano
4
Não Fala Não Pra Mim (Part. Jerry Smith)
Humberto & Ronaldo
5
Quem Pegou, Pegou
Henrique & Juliano
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Demi Lovato teria se recusado a dizer o que causou overdose

Cantora não será investigada pela polícia, uma vez que drogas não foram encontradas em sua residência

por Redação em 25/07/2018

A cantora Demi Lovato não está sendo investigada pela polícia de Los Angeles após suposta overdose sofrida em sua casa nesta terça-feira (24/07). As informações são da revista People.

Um porta-voz do Departamento de Polícia de Los Angeles disse que a cantora não será investigada uma vez que, supostamente, drogas não foram encontradas em sua residência e Demi se recusou a dizer aos policiais o que tinha usado.

De acordo com o The Blast, a cantora de 25 anos não quis informar aos socorristas e policiais qual droga causou a overdose. O site afirma ainda que os policiais coletaram um “item de evidência” relacionado a uma droga ilegal, mas que não costuma ser associado à heroína, primeira causa noticiada.

Segundo o E! News, a mãe de Demi, Dianna De La Garza, e a irmã mais nova da cantora, Madison, foram vistas no hospital na tarde de ontem.

O áudio da ligação de emergência obtido pelo TMZ revelou que Demi estava inconsciente e que o medicamento Narcan – substância de emergência que costuma ser usada para reverter os efeitos de overdose de opioides - foi utilizado pelos amigos da cantora para reavivá-la. Inicialmente, o TMZ reportou que se tratava de uma overdose de heroína, mas fontes próximas à cantora negam a informação.