NOTÍCIAS

“Me sinto no momento mais maduro da minha carreira”, diz Sandy

Cantora acaba de lançar projeto focado em parcerias, com faixas inéditas em colaboração com nomes como Maria Gadú, Thiaguinho, Anavitória e Iza

por Rebecca Silva em 31/08/2018

Sandy já é conhecida dos brasileiros há muito tempo, mais precisamente desde a virada da década de 1980 para 1990, quando era apenas uma criança de seis anos e cantava ao lado do irmão, Junior. Depois de anos de sucesso, estádios lotados, fãs histéricos e cartas de rolo com quilômetros sem fim, a dupla chegou ao fim. Sandy seguiu carreira solo, Junior foi para os bastidores, mas a chama da esperança de que os irmãos se juntariam em uma nova parceria nunca se apagou. Na verdade, ela foi inflamada recentemente, com a notícia de que a cantora lançaria um novo projeto, Nós Voz Eles, com faixas inéditas em parceria com artistas brasileiros. Balde de água fria: Junior não faz parte do trabalho.

Nesta semana, Sandy conversou com a imprensa e contou um pouco sobre a novidade, que chega em formato digital para os fãs. A cantora, que já gravou com grandes nomes da música como Gilberto Gil, Milton Nascimento e Andrea Boccelli, decidiu chamar para este projeto artistas contemporâneos ou da nova geração da música. Entre os convidados, Lucas Lima [marido de Sandy], Maria Gadú – personagens dos dois primeiros episódios, já disponíveis nas plataformas digitais -, Mateus Asato, Anavitória, Thiaguinho, Melim, Iza e Xororó [pai de Sandy], a exceção da lista. “O critério foi o talento na música, minha admiração e minha afinidade com eles. Não era só chamar gente de sucesso. Como são muitas horas, uma troca intensa, quase íntima, de opiniões, divisão de vocais, contribuição para um trabalho meu, que veio de dentro de mim, eu queria que fossem pessoas que tivessem a vibe parecida com a minha”. explicou.

Nos oito anos de carreira solo, Sandy desenvolveu um trabalho bem diferente do que fazia na época da dupla teen com o irmão, mas já conseguiu cravar uma identidade. Tanto que, agora, se vê segura para lançar um projeto focado em parcerias com artistas de diferentes gêneros musicais. “Eu me sinto no momento mais maduro da minha carreira, estou mais apropriada da minha música. Hoje coloco muito mais a mão em tudo, desde a composição, concepção, até a finalização, opino em tudo. Me sinto mais à vontade, segura do meu trabalho, do que eu faço. Ao longo desses oito anos, vim formando minha identidade musical de forma que me possibilitou mostrar isso sem medo pra galera.”

A cada 15 dias, um episódio de um webdocumentário gravado no estúdio de sua casa em Campinas, interior de São Paulo, mostrará o processo de produção da música. Dias depois, o público assistirá ao clipe e poderá ouvir a mesma faixa nas plataformas digitais. Ao todo, serão oito faixas inéditas. “Está bem dentro da realidade de hoje, da internet, de gerar conteúdo o tempo inteiro. Nunca tinha conseguido me encaixar nessa realidade antes, eu sou do tempo da fita, do vinil, em que era tudo analógico. Fui evoluindo nesse sentido da divulgação de acordo com meu tempo, estou aqui em 2018, não sou totalmente alheia, mas não sou muito das redes sociais”, disse, brincando. O objetivo, por enquanto, é manter o material no meio digital, sem planos de lançamento de disco físico ou DVD.

O projeto também cairá na estrada com turnê homônima. A estreia foi no último fim de semana, no Rio de Janeiro, e ainda passará por São Paulo, Porto Alegre, Florianópolis, Curitiba e Belo Horizonte. A novidade da turnê é que os shows serão diferentes: as músicas inéditas serão adicionadas à setlist conforme forem lançadas na internet, a cada 15 dias. No repertório, faixas de discos anteriores como “Me Espera” e “Aquela dos 30” e sucessos da época em que Junior era a única parceria que vinha nas nossas cabeças quando pensávamos em Sandy. E mais: na noite de ontem (30), durante apresentação em São Paulo, Junior subiu ao palco com a irmã para relembrar hits da dupla. Quem sabe não acontece de novo em outras paradas da turnê? 

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Zé da Recaída
Gusttavo Lima
2
Só Pra Castigar
Wesley Safadão
3
Notificação Preferida
Zé Neto & Cristiano
4
Coração Infectado
Maiara & Maraisa
5
Quem Pegou, Pegou
Henrique & Juliano
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

“Me sinto no momento mais maduro da minha carreira”, diz Sandy

Cantora acaba de lançar projeto focado em parcerias, com faixas inéditas em colaboração com nomes como Maria Gadú, Thiaguinho, Anavitória e Iza

por Rebecca Silva em 31/08/2018

Sandy já é conhecida dos brasileiros há muito tempo, mais precisamente desde a virada da década de 1980 para 1990, quando era apenas uma criança de seis anos e cantava ao lado do irmão, Junior. Depois de anos de sucesso, estádios lotados, fãs histéricos e cartas de rolo com quilômetros sem fim, a dupla chegou ao fim. Sandy seguiu carreira solo, Junior foi para os bastidores, mas a chama da esperança de que os irmãos se juntariam em uma nova parceria nunca se apagou. Na verdade, ela foi inflamada recentemente, com a notícia de que a cantora lançaria um novo projeto, Nós Voz Eles, com faixas inéditas em parceria com artistas brasileiros. Balde de água fria: Junior não faz parte do trabalho.

Nesta semana, Sandy conversou com a imprensa e contou um pouco sobre a novidade, que chega em formato digital para os fãs. A cantora, que já gravou com grandes nomes da música como Gilberto Gil, Milton Nascimento e Andrea Boccelli, decidiu chamar para este projeto artistas contemporâneos ou da nova geração da música. Entre os convidados, Lucas Lima [marido de Sandy], Maria Gadú – personagens dos dois primeiros episódios, já disponíveis nas plataformas digitais -, Mateus Asato, Anavitória, Thiaguinho, Melim, Iza e Xororó [pai de Sandy], a exceção da lista. “O critério foi o talento na música, minha admiração e minha afinidade com eles. Não era só chamar gente de sucesso. Como são muitas horas, uma troca intensa, quase íntima, de opiniões, divisão de vocais, contribuição para um trabalho meu, que veio de dentro de mim, eu queria que fossem pessoas que tivessem a vibe parecida com a minha”. explicou.

Nos oito anos de carreira solo, Sandy desenvolveu um trabalho bem diferente do que fazia na época da dupla teen com o irmão, mas já conseguiu cravar uma identidade. Tanto que, agora, se vê segura para lançar um projeto focado em parcerias com artistas de diferentes gêneros musicais. “Eu me sinto no momento mais maduro da minha carreira, estou mais apropriada da minha música. Hoje coloco muito mais a mão em tudo, desde a composição, concepção, até a finalização, opino em tudo. Me sinto mais à vontade, segura do meu trabalho, do que eu faço. Ao longo desses oito anos, vim formando minha identidade musical de forma que me possibilitou mostrar isso sem medo pra galera.”

A cada 15 dias, um episódio de um webdocumentário gravado no estúdio de sua casa em Campinas, interior de São Paulo, mostrará o processo de produção da música. Dias depois, o público assistirá ao clipe e poderá ouvir a mesma faixa nas plataformas digitais. Ao todo, serão oito faixas inéditas. “Está bem dentro da realidade de hoje, da internet, de gerar conteúdo o tempo inteiro. Nunca tinha conseguido me encaixar nessa realidade antes, eu sou do tempo da fita, do vinil, em que era tudo analógico. Fui evoluindo nesse sentido da divulgação de acordo com meu tempo, estou aqui em 2018, não sou totalmente alheia, mas não sou muito das redes sociais”, disse, brincando. O objetivo, por enquanto, é manter o material no meio digital, sem planos de lançamento de disco físico ou DVD.

O projeto também cairá na estrada com turnê homônima. A estreia foi no último fim de semana, no Rio de Janeiro, e ainda passará por São Paulo, Porto Alegre, Florianópolis, Curitiba e Belo Horizonte. A novidade da turnê é que os shows serão diferentes: as músicas inéditas serão adicionadas à setlist conforme forem lançadas na internet, a cada 15 dias. No repertório, faixas de discos anteriores como “Me Espera” e “Aquela dos 30” e sucessos da época em que Junior era a única parceria que vinha nas nossas cabeças quando pensávamos em Sandy. E mais: na noite de ontem (30), durante apresentação em São Paulo, Junior subiu ao palco com a irmã para relembrar hits da dupla. Quem sabe não acontece de novo em outras paradas da turnê?