NOTÍCIAS

Os melhores e piores momentos do VMA 2018

Premiação contou com apresentações marcantes de Ariana Grande e Jennifer Lopez e discurso ególatra de Madonna sobre Aretha Franklin

por Redação em 21/08/2018

O VMA 2018 foi realizado na noite desta segunda-feira (20/08) em Nova York e, como já era esperado, deixou os usuários do Twitter ligados em cada momento para, além dos comentários, iniciarem imediatamente a criação de memes.

A Billboard avaliou os melhores e os piores destaques da noite. Veja, abaixo, os seis momentos que agradaram e os três que não foram tão legais assim.

A Santa Ceia de Ariana Grande

Aproveitando a temática bíblica trazida no clipe de “God is a Woman”, com a recriação do quadro “A Criação de Adão”, de Michelangelo, Ariana Grande decidiu ir além e reproduziu, no palco, uma versão toda feminina de “A Santa Ceia”. Para melhorar o que já estava bom, a cantora levou a mãe e a avó ao palco para uma participação especial no fim da performance.

Logic critica o muro de Trump

Depois de falar sobre prevenção de suicídio no Grammy deste ano, Logic subiu ao palco do VMA para fazer uma declaração contra o muro prometido por Trump para dividir os Estados Unidos e o México, além da polêmica política de separação de filhos e pais na fronteira. O palco ficou repleto de jovens e crianças usando camisetas que diziam “somos todos humanos”.

Nicki impressiona

A performance de Nicki Minaj foi realizada fora do Radio City Music Hall, local onde o VMA foi realizado. Com sua apresentação no Oculus, estação de metrô futurista localizada próxima ao World Trade Center, ela mostrou o seu poder e impressionou, levantando o público. A rapper interpretou "Majesty", "Barbie Dreams", "Fefe" – além deum pequeno trecho de "Ganja Burns" - e mostrou por que deve ser chamada de rainha.

Camila Cabello e a mãe dançando durante a apresentação de Maluma

Assista e entenda:

Jennifer Lopez!

A cantora foi a grande homenageada e recebeu o prêmio Video Vanguard Award. Assim como artistas que receberam a mesma condecoração em anos anteriores, JLo apresentou um medley com os principais sucessos da carreira e quebrou tudo no palco, com direito a lasers, dançarinos, DJ Khaled, Ja Rule e até figurinos usados nos clipes das músicas.

As reações de Alex Rodriguez

Impressionado com a apresentação da namorada, Jennifer Lopez, ele virou meme nas redes sociais.

OS PIORES MOMENTOS

O retorno esquisito do Backstreet Boys

Os integrantes do Backstreet Boys foram os responsáveis pelo anúncio do prêmio de Música do Ano e, para mudar um pouco a dinâmica, fizeram versões a cappella dos indicados. Estava tudo indo bem até “Havana”, de Camila Cabello. Mas quando chegaram à terceira música, já estavam fora de ritmo e confusos. A performance pré-VMA de "Don't Go Breaking My Heart" foi melhor.

Público barulhento demais

Shawn Mendes até que fez um bom trabalho anunciando o prêmio de Video Vanguard para Jennifer Lopez, mas o público não parou de falar e ficou até difícil escutar o cantor.

O discurso de Madonna

Deu para perceber o amor e o respeito de Madonna por Aretha Franklin, mas ficou estranho o quanto um simples tributo para a cantora, falecida na semana passada, tornou-seuma história sobre a carreira de Madonna que mal envolveu Aretha.

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Zé da Recaída
Gusttavo Lima
2
Só Pra Castigar
Wesley Safadão
3
Notificação Preferida
Zé Neto & Cristiano
4
Coração Infectado
Maiara & Maraisa
5
Quem Pegou, Pegou
Henrique & Juliano
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Os melhores e piores momentos do VMA 2018

Premiação contou com apresentações marcantes de Ariana Grande e Jennifer Lopez e discurso ególatra de Madonna sobre Aretha Franklin

por Redação em 21/08/2018

O VMA 2018 foi realizado na noite desta segunda-feira (20/08) em Nova York e, como já era esperado, deixou os usuários do Twitter ligados em cada momento para, além dos comentários, iniciarem imediatamente a criação de memes.

A Billboard avaliou os melhores e os piores destaques da noite. Veja, abaixo, os seis momentos que agradaram e os três que não foram tão legais assim.

A Santa Ceia de Ariana Grande

Aproveitando a temática bíblica trazida no clipe de “God is a Woman”, com a recriação do quadro “A Criação de Adão”, de Michelangelo, Ariana Grande decidiu ir além e reproduziu, no palco, uma versão toda feminina de “A Santa Ceia”. Para melhorar o que já estava bom, a cantora levou a mãe e a avó ao palco para uma participação especial no fim da performance.

Logic critica o muro de Trump

Depois de falar sobre prevenção de suicídio no Grammy deste ano, Logic subiu ao palco do VMA para fazer uma declaração contra o muro prometido por Trump para dividir os Estados Unidos e o México, além da polêmica política de separação de filhos e pais na fronteira. O palco ficou repleto de jovens e crianças usando camisetas que diziam “somos todos humanos”.

Nicki impressiona

A performance de Nicki Minaj foi realizada fora do Radio City Music Hall, local onde o VMA foi realizado. Com sua apresentação no Oculus, estação de metrô futurista localizada próxima ao World Trade Center, ela mostrou o seu poder e impressionou, levantando o público. A rapper interpretou "Majesty", "Barbie Dreams", "Fefe" – além deum pequeno trecho de "Ganja Burns" - e mostrou por que deve ser chamada de rainha.

Camila Cabello e a mãe dançando durante a apresentação de Maluma

Assista e entenda:

Jennifer Lopez!

A cantora foi a grande homenageada e recebeu o prêmio Video Vanguard Award. Assim como artistas que receberam a mesma condecoração em anos anteriores, JLo apresentou um medley com os principais sucessos da carreira e quebrou tudo no palco, com direito a lasers, dançarinos, DJ Khaled, Ja Rule e até figurinos usados nos clipes das músicas.

As reações de Alex Rodriguez

Impressionado com a apresentação da namorada, Jennifer Lopez, ele virou meme nas redes sociais.

OS PIORES MOMENTOS

O retorno esquisito do Backstreet Boys

Os integrantes do Backstreet Boys foram os responsáveis pelo anúncio do prêmio de Música do Ano e, para mudar um pouco a dinâmica, fizeram versões a cappella dos indicados. Estava tudo indo bem até “Havana”, de Camila Cabello. Mas quando chegaram à terceira música, já estavam fora de ritmo e confusos. A performance pré-VMA de "Don't Go Breaking My Heart" foi melhor.

Público barulhento demais

Shawn Mendes até que fez um bom trabalho anunciando o prêmio de Video Vanguard para Jennifer Lopez, mas o público não parou de falar e ficou até difícil escutar o cantor.

O discurso de Madonna

Deu para perceber o amor e o respeito de Madonna por Aretha Franklin, mas ficou estranho o quanto um simples tributo para a cantora, falecida na semana passada, tornou-seuma história sobre a carreira de Madonna que mal envolveu Aretha.